Diretriz

Integração

As áreas da Secom devem atuar de forma integrada e sinérgica, visando racionalizar os recursos e evitar o trabalho em duplicidade.

Para que tanto a cobertura jornalística quanto as ações institucionais possam refletir a integração, devem existir mecanismos que garantam a comunicação eficaz entre as diversas áreas, a orientação comum, o planejamento conjunto das atividades e a atuação complementar e suplementar.

As ações que se caracterizem como de integração devem estar reunidas na Central de Pautas e Produções com as respectivas orientações para atuação conjunta ou compartilhada.

Na definição de responsabilidades por produtos ou serviços, sejam os que fazem parte da rotina, sejam os previstos em novos projetos, deve ser considerada a expertise de cada área da Secom. Nenhum produto ou serviço deve ser criado sem que a área da Secom com expertise no assunto possa se manifestar.

A captação de som e imagem, em qualquer suporte, deve ter qualidade compatível com as exigências técnicas de cada veículo.

As áreas da Secom devem adotar formas e jornadas de trabalho que favoreçam a integração, respeitando o fluxo de produção e as especificidades de cada setor.

A execução de trabalhos que envolvam mais de uma área da Secom deve seguir um fluxo de produção integrada.

A Secom deve incentivar em seus veículos a atuação de profissionais multimídia, caracterizados pela capacidade de atuar em diversos meios e produzir conteúdo em múltiplos formatos. Para isso, deve ser adotada forma de trabalho alinhada com as rotinas convencionais e adotado programa de capacitação.