Comissão permanente pode ser criada para proteger migrantes — Rádio Senado

Comissão permanente pode ser criada para proteger migrantes

LOC: UMA COMISSÃO PERMANENTE NO PARLAMENTO DO MERCOSUL PARA TRATAR DAS QUESTÕES QUE ENVOLVEM MIGRAÇÃO PODE SER CRIADA NA PRÓXIMA SESSÃO DO PARLASUL, NO DIA TREZE DE SETEMBRO, EM MONTEVIDÉU. LOC: A COMISSÃO DE CIDADANIA E DIREITOS HUMANOS DO PARLAMENTO DECIDIU NESTA QUARTA-FEIRA, EM SUA PRIMEIRA REUNIÃO EM BRASÍLIA, APRESENTAR UM REQUERIMENTO DE URGÊNCIA PARA QUE O TEMA SEJA DEBATIDO NA SESSÃO PLENÁRIA DO PARLASUL. Os parlamentares que integram a Comissão de Cidadania e Direitos Humanos do Parlamento do Mercosul se reuniram no Senado brasileiro e decidiram encaminhar um requerimento de preferência para exame imediato, no plenário do Parlasul, da proposta que cria uma comissão permanente de proteção aos migrantes dos países do Mercosul. A criação da nova comissão demandaria uma alteração na estrutura do Parlamento, medida defendida pelo senador Geraldo Mesquita Júnior, do PMDB do Acre, autor da proposição. A lei aprovada no estado norte-americano do Arizona, endurecendo o tratamento aos imigrantes, e a recente chacina em que 72 pessoas foram mortas na fronteira do México com os Estados Unidos, só reforçam a necessidade de acompanhamento destas questões pelo Legislativo regional. Para Geraldo Mesquita, os problemas que envolvem imigrantes em todo o mundo são urgentes. (mesquita) É necessário que haja uma comissão permanente no âmbito do Parlamento do Mercosul para tentar fazer esse tipo de ponte, a conciliação das legislações, a interlocução no sentido de a gente mudar a visão que temos mundo afora acerca da questão dos imigrantes. (REP) A Comissão de Cidadania e Direitos Humanos do Parlasul também aprovou a criação de uma Frente Parlamentar em Defesa da Infância e da Adolescência, da qual a senadora Marisa Serrano, do PSDB de Mato Grosso do Sul, pretende fazer parte. A senadora elogiou a realização de reuniões das comissões em outras capitais, além de Montevidéu, cidade sede do Parlamento do Mercosul. (MARISA) Acho que deve ocorrer sempre que as comissões se reúnam em cada país do Mercosul, dá a oportunidade de se conhecer melhor, de conhecer a estrutura legislativa de cada país, afinal de contas todos nós parlamentares estamos ligados umbilicalmente com o parlamento dos nossos países. (REP) O senador Aloizio Mercadante, do PT de São Paulo, ocupa a presidência temporária do Parlasul até o final deste ano. Assim como o próprio Mercosul, o parlamento é presidido a cada seis meses por cada um dos países integrantes do bloco - Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai.
01/09/2010, 02h00 - ATUALIZADO EM 01/09/2010, 02h00
Duração de áudio: 02:13
Ao Vivo

Não é usuário? Cadastre-se.

Ao vivo
00:0000:00