Senado ao alcance de todo o país

Da Redação | 12/03/2019, 11h47

Criados na década de 1990, os veículos de comunicação do Senado sempre tiveram como objetivo tornar transparentes os debates e as decisões da Casa. E nos últimos anos, o crescente interesse da sociedade em acompanhar a atuação dos políticos tem fortalecido a TV, a Rádio, a Agência e o Jornal do Senado, além das mídias sociais, como fontes de informação séria e confiável.

O jornalismo do Senado abre o dia a dia da instituição para a sociedade por meio de três caminhos: transmissões ao vivo das sessões do Plenário e das comissões, reportagens diárias sobre tudo o que acontece na Casa e produção de conteúdos especiais que aprofundam o entendimento sobre opiniões e decisões dos 81 senadores.

Tudo isso com uma atuação integrada dos veículos para que as notícias fiquem disponíveis ao maior número de pessoas, do modo como elas preferirem: TV, rádio, jornal, computador, tablet ou smartphone.

— Estamos aprimorando a forma de transmitir a notícia, aproveitando melhor a infraestrutura tecnológica que temos e valorizando ainda mais nossos profissionais. Ao mesmo tempo, buscamos nos alinhar ao planejamento estratégico do Senado, baseado em princípios como economicidade e transparência — explica a diretora da Secretaria de Comunicação Social do Senado (Secom), Angela Brandão.

Em 2018, todos os veículos de comunicação do Senado colheram resultados importantes sobre a qualidade e o alcance do trabalho. A Rádio Senado teve quase 20 mil conteúdos reproduzidos por emissoras do país por meio da RadioAgência. Também recebeu cinco prêmios de jornalismo e foi finalista de um sexto concurso com reportagens especiais.

A TV cravou 14 milhões de visualizações em seu canal no YouTube, que, criado em 2010, foi o primeiro do país a oferecer multiprogramação ao vivo na plataforma.

O portal Senado Notícias, da Agência Senado, passou dos 24 milhões de visualizações e dos 13 milhões de usuários em 12 meses.

Nas redes sociais, o Senado se manteve entre as principais páginas de governo do Brasil, tendo quase triplicado o total de seguidores no Instagram.

Num tempo em que as fake news tentam borrar as linhas entre o falso e o verdadeiro, os meios de comunicação do Senado se mantêm firmes na missão de serem uma ponte segura entre a instituição e os cidadãos de todo o país.

TV Senado

A TV Senado foi ao ar pela primeira vez em 1996. Tem como principal produto as transmissões ao vivo das sessões do Plenário e das reuniões das comissões. Também produz telejornais, documentários, programas culturais e jornalísticos. Na internet, transmite até 11 eventos simultâneos.

Alcance

• Transmissão para 20 capitais mais o DF com sinal aberto

• 66,5 milhões de pessoas cobertas pelo sinal aberto

• Captação por 20 milhões de antenas parabólicas no país

• 19 milhões de pessoas cobertas por meio de TV por assinatura (cabo ou via satélite).

• 63,5 milhões de visualizações no site desde 2006

YouTube

Visualizações:

14 milhões em 2018

65 milhões desde 2010

Transmissões ao vivo em 2018

• 195 sessões plenárias (Senado e Congresso)

• 719 reuniões de comissões

Agência Senado

A Agência Senado e o Jornal do Senado foram os primeiros braços da comunicação da Casa, criados em 1995. Têm como missão levar diariamente à sociedade a cobertura completa de todas as atividades legislativas da instituição.

Jornal do Senado

Circula de segunda a sexta. Além da cobertura diária do Senado, traz duas seções especiais, também disponibilizadas no portal: o Especial Cidadania, veiculado toda terça, e o Arquivo S, parceria com o Arquivo do Senado, publicado uma vez por mês. Tem ainda uma versão mensal impressa em braile.

Alcance

• Tiragem diária: 4,2 mil exemplares

• Assinantes da newsletter: Dezembro 2018 - 12,7 mil

• Versão em braile: distribuída mensalmente a 154 entidades de assistência a cegos

Portal Senado Notícias

Reúne toda a cobertura jornalística produzida pela equipe de repórteres, fotógrafos e infografistas da Agência Senado. Também publica vídeos e aúdios da TV e da Rádio Senado, além de reportagens multimídia, as chamadas infomatérias.

Alcance

• Visualizações:  2018 - 24,2 milhões.  Desde junho de 2010 - 107,7 milhões

• Usuários: 2018 - 13,7 milhões.  Desde junho de 2010: 47,5 milhões

• Assinantes da newsletter: Dezembro 2018 - 22,5 mil

Fotografia

Os fotógrafos da Agência Senado produzem em média 5 mil fotos por dia. Cerca de 1,5 mil são arquivadas no acervo fotográfico da Casa e 300 disponibilizadas em um banco de imagens aberto ao público para download em alta resolução. Criado em 2010, o banco disponibiliza mais de 200 mil fotos e registrou cerca de 52 milhões de visualizações desde então.

Banco de imagens no Flickr

• 205,6 mil fotos das atividades legislativas e institucionais do Senado

• 25 mil visualizações por dia em média

Acervo fotográfico

Solicitações de pesquisa no acervo: fotojornal@senado.leg.br

• Mais de 1 milhão de fotos no acervo digital

Rádio Senado

Transmissões ao vivo do Plenário e das comissões, além de programas jornalísticos, são os destaques da Rádio Senado desde a sua criação em 1997. Tudo isso entremeado de música e programas culturais. A rádio também é responsável pelo boletim do Senado em A Voz do Brasil e, em 2018, com a Rádio Agência, inovou na distribuição de conteúdo para rádios conveniadas em todo o país.

Alcance

• Presença no DF e em mais 9 capitais na faixa FM

• Visualizações do site: 8,2 milhões desde dezembro de 2010. Usuários: 2,2 milhões desde dezembro de 2010

Rádio Agência

• 2,1 mil emissoras conveniadas

• 18,6 mil downloads de conteúdo em 2018

Transmissões ao vivo em 2018

• 161 sessões do Plenário do Senado

• 21 sessões do Congresso

• 298 reuniões de comissões

Mídias sociais

Em 2018, o Senado se manteve entre as mais importantes páginas de governo nas redes sociais, com milhares de novos seguidores. Já é a terceira maior página de governo do país no Facebook e a segunda no Instagram, que quase triplicou o número de seguidores no ano passado. No Twitter, rede de caráter mais jornalístico, o crescimento também foi consistente.

Portal Senado Multimídia

Lançado em maio de 2016, é administrado pela Secretaria de Engenharia de Comunicação, ligada à Secom, e permite visualização, edição e download de vídeos das sessões plenárias e das reuniões das comissões realizadas desde dezembro de 1992. Também disponibiliza as notas taquigráficas das sessões e pode ser acessado pelo portal Senado Notícias.

Vídeos disponibilizados

• 19,8 mil horas de sessões do Plenário

• 24,2 mil horas de reuniões de comissões

• 730 horas de reuniões de conselhos e grupos parlamentares

Acesse a infomatéria - Senado ao alcance de todo o país


Compartilhar: Facebook | Twitter | Pinterest