Séries Especiais

Série Código Penal

2:31:36Série Código Penal
Parte 1 - Plano de trabalho da Comissão Especial do Código Penal
05:42
Parte 2 - Motivos para reformulação do Código Penal
07:08
Parte 3 - Descriminalização do uso de drogas
12:18
Parte 4 - Aborto
09:00
Parte 5 - Eutanásia
06:12
Parte 6 - Bullying
07:03
Parte 7 - Crime sexual contra vulnerável
05:51
Parte 8 - Crimes contra a humanidade, terrorismo e tráfico de pessoas
07:44
Parte 9 - Enriquecimento ilícito
04:30
Parte 10 - Responsabilidade criminal da pessoa jurídica
06:32
Parte 11 - Crimes cibernéticos
05:36
Parte 12 - Aumento de penas
08:43
Parte 13 - Diminuição de penas
06:38
Parte 14 - Desproporcionalidade das penas no Brasil
05:16
Parte 15 - Crimes ambientais
04:14
Parte 16 - Violência Doméstica
05:23
Parte 17 - Organizações Criminosas e Milícias
05:45
Parte 18 - Direitos Autorais
04:54
Parte 19 - Crimes de racismo e homofobia
05:36
Parte 20 - Culpa gravíssima
05:35
Parte 21 - Crimes eleitorais
03:52
Parte 22 - Barganha e delação premiada
06:43
Parte 23 - Leis revogadas
04:44
Parte 24 - Projetos apensados
06:35

Série Código Penal

Parte 1 - No primeiro capítulo da série especial sobre a Reforma do Código Penal, você conhece o plano de trabalho da Comissão Especial de Senadores formada para analisar os 543 artigos do PLS 236/2012. Presidente, vice-presidente e relator da Comissão Especial falam da importância da Reforma.

Parte 2 - No segundo capítulo da série especial sobre a Reforma do Código Penal, você vai saber o que motivou a mobilização de juristas e senadores em torno das mudanças das normas que determinam o que é crime no país. O presidente da Comissão Especial, senador Eunício Oliveira, do PMDB do Ceará, conclama a participação popular nos debates.

Parte 3 - No terceiro capítulo da série especial sobre a Reforma do Código Penal, o tema é a descriminalização do uso de drogas e do plantio em pequenas quantidades de plantas usadas na preparação de drogas. Senadores e juristas debatem a viabilidade da liberação, o tratamento diferenciado entre usuário e traficante, a dificuldade de quantificar o uso tolerável pela lei, a prescrição médica de drogas, entre outros assuntos controversos.

Parte 4 - No quarto capítulo da série especial sobre a Reforma do Código Penal, o tema é aborto. O Novo Código propõe o aumento das possibilidades legais para a interrupção da gravidez. O assunto é polêmico e as opiniões são diferentes nas diversas regiões do país.

Parte 5 - No quinto capítulo da série especial sobre a Reforma do Código Penal, o tema é eutanásia. O que está proposto no Novo Código sobre o tema? Juristas e senadores debatem este ponto da reforma que, como o aborto, também mexe com convicções pessoais dos parlamentares.

Parte 6 - Em continuidade à série sobre a reforma do código penal, nesta segunda-feira, nós falamos sobre a ideia de transformar as práticas de bullying e stalking em crimes no novo Código Penal. O bullying refere-se às reiteradas agressões físicas ou verbais por parte de um grupo a uma pessoa ou de uma pessoa contra a outra, valendo de uma suposta condição de superioridade. Já o stalking é uma perseguição doentia, que invade a privacidade e o direito à liberdade, com ameaças a sua integridade física ou psicológica.
O bullying foi definido na proposta do novo código como crime de intimidação vexatória e o stalking, como perseguição obsessiva ou insidiosa.

Parte 7 - No sétimo capítulo da série, o assunto será a diminuição da idade para presunção de vulnerabilidade no novo Código Penal. A atual legislação considera, por exemplo, que um menor de 14 anos não tem discernimento suficiente para decidir se quer fazer sexo com alguém e, por isso, presume-se o estupro, mesmo com o consentimento da vítima. O projeto de lei do Senado 236, de 2012, propõe, em crimes contra criança e adolescentes, que essa idade da presunção da vulnerabilidade, diminua para 12 anos.

Parte 8 - No oitavo capítulo, vamos falar sobre as definições no novo Código Penal dos crimes contra a humanidade, terrorismo e tráfico de pessoas. Esses crimes foram colocados no hall de crimes hediondos na proposta que está sendo analisada pela comissão especial que estuda um novo texto para o Código Penal.

Parte 9 - Neste programa, o ouvinte fica sabendo sobre as alterações de mudanças propostas pela comissão de juristas para o crime de enriquecimento ilícito. A intenção é tornar mais dura a legislação para os funcionários públicos efetivos ou provisórios que tiverem bens em valores incompatíveis com seus rendimentos diretos e indiretos, sem conseguir explicar de onde vieram esses bens. O ministro do Superior tribunal de Justiça, Gilson Dipp, que presidiu a comissão de juristas, considera o endurecimento da lei um passo muito importante no combate à corrupção na administração pública.

Parte 10 - No 10º capitulo da série, falamos sobre uma das novidades do projeto do novo Código Penal: a responsabilidade criminal da pessoa jurídica. A legislação atual não permite que as empresas sejam punidas no âmbito penal, a não ser em razão de atos lesivos ao meio ambiente, o que já é possível desde 1998, com a entrada em vigor da lei 9.605, que trata dos crimes ambientais.
A ideia do PLS 236, de 2012, é que as empresas respondam criminalmente por atos praticados contra a ordem econômica e financeira e a economia popular e também por atividades lesivas ao meio ambiente e à administração pública.

Parte 11 - No 11º capítulo da Série Especial sobre a Reforma do Código Penal, vamos falar sobre os crimes cibernéticos. O Código Penal em vigor hoje é de 1940, época em que nem se pensava em computadores e internet. O ouvinte vai saber quais são os cybercrimes previstos no projeto do novo Código Penal (PLS 236/2012).

Parte 12 - No 12º programa, vamos falar sobre dois temas que causaram muito debate entre as reuniões da Comissão de Juristas que elaborou o texto-base para a Reforma do Código Penal: o aumento de penas para alguns crimes e a progressão de regime de cumprimento da pena. O ouvinte vai ficar sabendo também que a proposta aumenta a pena máxima de prisão no Brasil, de 30 para 40 anos.

Parte 13 - No 13º capítulo da Série Especial sobre a Reforma do Código Penal, vamos falar sobre a diminuição de penas para alguns crimes, proposta no projeto do novo Código Penal (PLS 236/2012). O ouvinte vai ficar sabendo as justificativas dos juristas para abrandar algumas punições e privilegiar a aplicação das penas alternativas.

Parte 14 - A desproporcionalidade das penas no Brasil. Este é um dos pontos em debate no novo projeto que reformula o novo Código Penal. Saiba mais no 14º capítulo da série especial sobre a reforma do Código Penal.

Parte 15 - No 15º programa sobre a série do novo Código Penal, o ouvinte vai conhecer as alterações propostas pelo PLS 236 na legislação ambiental do país e nos crimes contra animais.

Parte 16 - Em continuidade à série especial sobre a reforma do Código Penal, falamos sobre a violência doméstica e a tentativa dos juristas de incluir no novo Código Penal o crime de femicídio, no caso de morte de mulheres em razão de seu sexo.

Parte 17 - No 17º capítulo da série especial sobre a reforma do Código Penal, vamos falar sobre organizações criminosas e milícias.

Parte 18 - Os crimes contra o direito autoral deverão receber punições mais graves, caso seja aprovado o PLS 236, de 2012, que trata da reforma do Código Penal. Em compensação, a cópia de livros e CDs, na íntegra, não deverão ser considerados crimes, desde que seja para uso próprio e não vise a obtenção de lucros.

Parte 19 - Em mais um capítulo da série sobre a reforma do Código Penal, o programa discute crimes de preconceito e discriminação. Vamos conversar sobre a sugestão da comissão de juristas que apresentou a proposta de texto do novo Código Penal de criminalizar a homofobia e de transformar o racismo em crime hediondo.

Parte 20 - Em continuidade a nossa série sobre o Código Penal, falamos sobre a criação, no novo código, da modalidade culpa gravíssima. A intenção é punir com mais rigor quando o indivíduo pratica um crime sem intenção, portanto, sem dolo, mas atinge o resultado por agir com especial temeridade. Bons exemplos da aplicação da culpa gravíssima são os crimes de trânsito, quando o motorista mata ou lesiona gravemente alguém ao dirigir embriagado ou participar de pegas.

Parte 21 - Na série especial sobre a Reforma do Código Penal, o ministro do Superior Tribunal de Justiça Gilson Dipp, presidente da comissão de juristas que elaborou o texto da reforma do Código Penal, explica a inclusão de punições, no novo código, para quem desrespeitar a legislação eleitoral vigente no país.

Parte 22 - Neste programa, falamos sobre a barganha e a delação premiada – dois acordos previstos no texto do PLS 236, de 2012, e que poderão reduzir as penas dos réus em processos penais.

Parte 23 - O programa discute a proposta de revogação de várias leis, entre elas a chamada "Lei de Contravenções" e partes da "Lei de Biossegurança", o que já causa polêmica, pois se o texto for aprovado como está, deixam de ser lei artigos que tratam da proibição da clonagem e comercialização de embriões.

Parte 24 - No último capítulo da série sobre a reforma do Código Penal, o ouvinte vai conhecer alguns dos 101 projetos que foram apensados ao PLS 236, de 2012. Por se tratar de projeto de código, o regimento do Senado determina que as proposições sobre o mesmo tema tramitem em conjunto com a proposta geral e o relator Pedro Taques agora tem que analisar essas proposições, a fim de verificar o que poderá ser aproveitado no texto final.

TÓPICOS:
Aborto  Administração Pública  Adolescentes  Animais  Código Penal  Comissão de Juristas  Corrupção  Crimes Hediondos  Delação Premiada  Drogas  Economia  Empresas  Estupro  Homofobia  Internet  Justiça  Meio Ambiente  PMDB  Racismo  Reforma do Código Penal  Senador Eunício Oliveira  Superior Tribunal de Justiça  Terrorismo  Trabalho  Tráfico de Pessoas  Trânsito  Violência 

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11
Ao vivo