Facilidade

Você sabe o que é PIX? Conheça o novo sistema de pagamentos lançado pelo Banco Central

O Banco Central lançou nesta semana o PIX, novo sistema de pagamentos e transferências bancárias instantâneas. As transações estarão liberadas para usuários a partir de 16 de novembro, mas já é possível cadastrar chaves de acesso nas instituições participantes. As informações com a repórter Raquel Teixeira, da Rádio Senado.

07/10/2020, 18h30 - ATUALIZADO EM 07/10/2020, 18h35
Duração de áudio: 01:26
Celular com a tela aperta do app do Pix.
Foto: Divulgação

Transcrição
LOC: BANCO CENTRAL LANÇA NOVO SISTEMA DE TRANSFERÊNCIA ELETRÔNICA INSTANTÂNEA. LOC: TRANSAÇÕES ESTARÃO LIBERADAS PARA USUÁRIOS A PARTIR DE 16 DE NOVEMBRO. REPÓRTER RAQUEL TEIXEIRA. TÉC: Velocidade, segurança e conveniência são os pilares do chamado Pix, o novo sistema de pagamentos e transferências rápidas e de baixo custo lançado oficialmente pelo Banco Central. As transações são feitas por aplicativo de celular, de forma simples, com informações básicas do consumidor, como número do telefone, e-mail e CPF, para identificar a conta bancária do cliente por meio de uma chave, ou login. O serviço funciona independentemente do expediente dos bancos, durante 24 horas todos os dias do ano, inclusive sábados, domingos e feriados. O analista da área de contabilidade do Senado, Anderson Oliveira, explica que a grande vantagem é a facilidade para os usuários em atividades do cotidiano. (ANDERSON) Por meio do Pix pode-se pagar em uma rede de supermercados sem a utilização, por exemplo, de um cartão de débito. Pode ser possível enviar recursos por meio de um QR Code, pela geração de um link ou ainda por meio dos contatos do celular. As transferências bancárias entre pessoas físicas, nesse primeiro momento, serão gratuitas. Rep: Já existem mais de 670 instituições cadastradas para oferecer o recurso, que ficará disponível a partir de 16 de novembro. No entanto, o cadastro do usuário já pode ser feito em sua instituição de preferência. Da Rádio Senado, Raquel Teixeira.

Ao vivo
00:0000:00