Pandemia

Senadores pedem providências contra ataques a infectologistas

02:01Senadores pedem providências contra ataques a infectologistas

Transcrição LOC: SENADORES PEDEM PROVIDÊNCIAS CONTRA ATAQUES A INFECTOLOGISTAS LOC: DOCUMENTO RELATA AMEAÇAS À ENTIDADE POR NÃO RECOMENDAR O USO DA CLOROQUINA. REPÓRTER PEDRO PINCER: TÉC: O líder da Oposição senador Randolfe Rodrigues, da Rede Sustentabilidade do Amapá, protocolou representação à Procuradoria-Geral da República e ofício ao Ministério da Justiça pedindo providências quanto às ameaças sofridas pela Sociedade Brasileira de Infectologia, a SBI, após a recomendação de não uso da cloroquina. Ele explica que, na última sexta-feira, a entidade reafirmou ser contra o uso da substância em qualquer fase do tratamento contra o novo coronavírus. A SBI citou dois estudos científicos para classificar como urgente que a droga deixe de ser utilizada por pacientes em diferentes fases da covid-19, inclusive na sua prevenção. O órgão relata que membros passaram a sofrer ataques e se tornaram alvo de fake news nas redes sociais. Para Randolfe, os ataques aos profissionais, que tanto colaboram durante o período de pandemia, são absurdos e devem ser combatidos de todas as formas. (Randollfe Rodrigues) Comportamentos desse tipo, que foram atentados contra os membros da Sociedade Brasileira de Infectologia, é um crime contra a ciência, é um crime contra o nosso pacto civilizatório, é um crime de lesa-humanidade. E por ser crime, quem faz crime é criminoso. E quem pratica o crime tem que responder diante das regras do Estado democrático de direito (REP): O presidente da SBI, Clóvis Arns, disse que a entidade está aberta ao diálogo e que a intenção é ser útil à sociedade. (Clóvis Arns) Qualquer entidade que queira discutir os artigos que estão sendo publicados, as notas e os informes que nós fazemos pela SBI, o objetivo é um só: é ajudar o povo brasileiro e eventualmente ajudar os que tomam decisões em relação a usar o dinheiro público, o recurso público. Eu entendo que nós, como sociedade científica, temos que nos limitar a transmitir à população o que os artigos científicos trazem. (REP) A representação foi assinada por Randolfe e mais treze senadores. Da Rádio Senado, Pedro Pincer.

O  líder da Oposição senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), protocolou representação à Procuradoria-Geral da República e ofício ao Ministério da Justiça pedindo providências quanto às ameaças sofridas pela Sociedade Brasileira de Infectologia após a recomendação de não uso da cloroquina. O repórter Pedro Pincer tem os detalhes.

TÓPICOS:
Amapá  Coronavírus  covid-19  Fake News  Justiça  Ministério da Justiça  Oposição  pandemia  Procuradoria-Geral da República  Rede  Rede Sustentabilidade  Redes Sociais  Senador Randolfe Rodrigues  Sustentabilidade 

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11
Ao vivo