Coronavírus

Senadores comentam liberação de cultos religiosos

02:07Senadores comentam liberação de cultos religiosos

Transcrição LOC: SENADORES LAMENTAM DECRETO PRESIDENCIAL QUE LIBERA O FUNCIONAMENTO DE IGREJAS TEMENDO A PROPAGAÇÃO DO CORONAVÍRUS. LOC: ALIADOS CONSIDERAM ACERTADA A MEDIDA AO AFIRMAREM QUE EM MOMENTO DE DESESPERO O MELHOR É A ORIENTAÇÃO RELIGIOSA. REPÓRTER HÉRICA CHRISTIAN (Repórter) Num decreto já publicado, o - presidente Jair Bolsonaro incluiu as igrejas em atividades essenciais que podem funcionar durante a crise do coronavírus. A liberação, no entanto, contraria decisões de governadores e prefeitos que preferem manter as igrejas fechadas para evitarem a propagação da covid-19. O senador Humberto Costa, do PT de Pernambuco, que é médico, classificou de equivocada a decisão pelo risco de contágio do coronavírus. Ele citou que os dirigentes das igrejas estão se valendo da internet para atender aos seus fiéis. (Humberto Costa) Qualquer tipo de aglomeração representa um risco para que as pessoas que ali estão possam adquirir o vírus e desenvolverem a doença. Até agora todos os líderes religiosos das mais diversas religiões que se manifestaram têm dito que não vão seguir a orientação do Bolsonaro, mas vão seguir a orientação das autoridades sanitárias do País. Infelizmente é um presidente que não tem consciência da gravidade do momento que nós estamos vivendo. (Repórter) Ao defender a reabertura das igrejas, o senador Marcos Rogério, do Democratas de Rondônia, argumentou que no momento de pandemia, as pessoas precisam de orientação espiritual. (Marcos Rogério) As pessoas estão desesperadas. Onde é que elas vão buscar auxílio, orientação? É justamente nos templos religiosos. As igrejas prestam um trabalho que é fundamental. Além da assistência espiritual, que é importante, a assistência social, a orientação. Neste momento, as pessoas precisam de orientação e as igrejas, claro, que dentro de um ambiente de cautela, de comedimento podem ajudar muito nesse momento. Eu acho que não é momento de se afastar de Deus. Pelo contrário, é de se aproximar mais de Deus. (Repórter) Esse mesmo decreto também libera o funcionamento das Casas Lotéricas. Dos mais de 5 mil municípios, mais da metade não tem rede bancária. Nestas localidades, os moradores se valem desses estabelecimentos para receber benefícios e pagar contas.

O senador Humberto Costa (PT-PE) classificou de equivocado o decreto do presidente da República de liberar o funcionamento das igrejas. Na condição de médico, ele alertou para o perigo da propagação do coronavírus e lembrou que as mais diferentes lideranças religiosas estão se valendo da internet para dar continuidade às suas atividades. Ao defender a reabertura das igrejas, o vice-líder do governo, senador Marcos Rogério (DEM-RO), afirmou que as pessoas desesperadas poderão contar com a orientação espiritual. As informações são da repórter Hérica Christian.

TÓPICOS:
Assistência Social  Bolsonaro  Coronavírus  covid-19  Internet  Municípios  Pernambuco  PT  Rede  Rondônia  Senador Humberto Costa  Senador Marcos Rogério  Trabalho  DEM  Lideranças  Presidente da República 

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11
Ao vivo