Projetos que buscam prevenir catástrofes aguardam votação

02:59Projetos que buscam prevenir catástrofes aguardam votação

LOC: VÁRIAS INICIATIVAS NO SENTIDO DE PREVENIR OU AJUDAR FAMÍLIAS QUE SOFREM COM AS CHUVAS NO PAÍS AGUARDAM VOTAÇÃO NO CONGRESSO NACIONAL 

TÉC: Em 2008, Santa Catarina sofreu a maior tragédia de sua história. chuvas que duraram cerca de três meses causaram prejuízos a mais de 2 milhões de catarinenses. O número oficial de mortes foi de 135 pessoas e 78 mil ficaram desalojadas ou desabrigadas. Em 2010, mais de trezentas pessoas morreram no estado do Rio de Janeiro em duas grandes tragédias causadas pelas chuvas; em angra dos reis e em Niterói. Os bombeiros, até a manhã desta quinta-feira, já haviam recolhido mais de 350 corpos nas cidades de nova Friburgo, Petrópolis e Teresópolis, na região serrana do rio. O senador Marcelo Crivella, do prb do rio de janeiro, diz que é preciso agir preventivamente para evitar a repetição dessas tragédias. (CRIVELLA): Precisamos de prevenção. Dessas áreas todas mapeadas. Um sistema de meterologia que nos avise, com 48h, das chuvas que vão cair, e qual o volume esperado. (REP): vários projetos de lei foram apresentados por crivella e outros senadores para tentar ajudar as famílias atingidas por desastres naturais. Uma dessas propostas, já aprovada no senado, é do atual governador do espírito santo, Renato Casagrande. Quando senador, sugeriu que o planejamento de obras de saneamento incluísse sistemas de redução da velocidade de escoamento das chuvas. No passado, explicou Casagrande, o Brasil privilegiou medidas para escoar rapidamente as águas, mas com o avanço das cidades, essa água não tem mais como penetrar no solo e acaba formando verdadeiros rios durante as chuvas. A proposta aguarda votação na câmara dos deputados. Já o ex-senador Romeu Tuma, morto em outubro, apresentou um projeto de lei que dava prioridade nos programas habitacionais às famílias que perderam moradia com as enchentes e outro para tornar obrigatório o mapeamento geológico das cidades. A comissão de infraestrutura também apresentou proposta para proibir a regularização fundiária e a implantação de infraestrutura urbana em áreas de risco. Todos esses projetos ainda aguardam votação em comissões do senado. mas uma iniciativa analisada pelo senado no ano passado já virou lei: a que estabelece a política nacional de segurança de barragens. a intenção é prevenir acidentes como o da barragem de algodões, que provocou mortes e destruiu centenas de casas, em maio de 2009 no Piauí, como explicou o senador Heráclito fortes, do democratas. (HERÁCLITO): várias vítimas estão aí padecendo das conseqüências desse problema. a falta de manutenção, de cuidado público faz com que a insegurança dessas barragens seja um verdadeiro tormento para as populações que dela dependem. (REP): a barragem de algodões teria rompido após fortes chuvas na represa e acima dela. da rádio senado, bruno Lourenço.

TÓPICOS:
Moradia  Comissões  Piauí  Rio de Janeiro  Congresso Nacional  Regularização Fundiária  Cidades  Infraestrutura  Santa Catarina  Rádio Senado  Água  Espírito Santo  Política  Câmara dos Deputados  Senador Marcelo Crivella  Desastres naturais  Segurança  História 

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11
Ao vivo