Educação

Projeto suspende data do Enem por interrupção das atividades escolares

01:56Projeto suspende data do Enem por interrupção das atividades escolares

Transcrição LOC: O SENADO VAI ANALISAR A SUSPENSÃO DOS DECRETOS QUE ESTABELECERAM AS DATAS DO ENEM PARA ESTE ANO. LOC: O PROJETO É DO SENADOR IZALCI LUCAS, QUE DEFENDE QUE O CALENDÁRIO SÓ DEVE SER DEFINIDO APÓS A RETOMADA DAS AULAS REGULARES DO ENSINO MÉDIO. A REPORTAGEM É DE MARCELLA CUNHA: TÉC: O projeto suspende o decreto do Governo Federal que marcou para os dias 11 e 18 de outubro as provas digitais do Enem, que serão aplicadas neste formato pela primeira vez para até 100 mil participantes em todo o país. O texto também suspende a data das provas impressas, agendadas para os dias primeiro e 8 de novembro, em um segundo decreto do Inep, o Instituto de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. O autor, senador Izalci Lucas, do PSDB do Distrito Federal, lembrou que não há previsão para que a vida escolar volte ao normal, e defende que o calendário do Enem só seja definido quando as aulas presenciais do Ensino Médio forem retomadas. (Izalci) O Inep deve abster de definir qualquer calendário relacionado às atividades ou encargos dos candidatos, a aplicação de provas, até a retomada das atividades regulares do Ensino Médio. Nós estamos com aulas paralisadas, evidente, que muitos alunos sem a mínima condição de receber seus conteúdos e não é razoável aplicar uma prova onde muitos alunos serão prejudicados. (REP) Izalci argumenta que a emergência epidemiológica causada pelo novo coronavírus gerou diversos obstáculos para os estudantes brasileiros, como a descontinuidade de aulas e a dificuldade de acessar conteúdos remotos, realidade da maioria da população. Ele também aponta que o isolamento social inviabiliza o uso de lan houses, bancos e lotéricas, e pode dificultar as inscrições e o pagamento das taxas. As inscrições paras as provas digitais e tradicionais do Enem estão marcadas para o período de 11 a 22 de maio e custam 85 reais. Quem optar por fazer o Enem impresso não poderá se inscrever na edição digital. PDL 137 de 2020

Um projeto (PDL 137/2020) do senador Izalci Lucas (PSDB-DF) suspende os efeitos dos decretos que marcaram as datas do Enem Digital para 11 e 18 de outubro e da prova impressa, a ser realizada em 1º e 8 de novembro. Para ele, é preciso aguardar a retomada das atividades escolares regulares, já que os estudantes estão sendo prejudicados com a descontinuidade dos conteúdos que serão exigidos no exame e poucos têm acesso ao ensino remoto. A reportagem é de Marcella Cunha.

TÓPICOS:
Bancos  Coronavírus  Distrito Federal  Encargos  Enem  Ensino Médio  PSDB  Senador Izalci Lucas 

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11
Ao vivo