Assentamentos

Exploração de energia limpa em assentamentos será votada depois do carnaval

01:45Exploração de energia limpa em assentamentos será votada depois do carnaval

Transcrição LOC: PROJETO QUE PERMITE EXPLORAÇÃO DE ENERGIA LIMPA EM ASSENTAMENTOS SERÁ VOTADO DEPOIS DO CARNAVAL NA COMISSÁO DE AGRICULTURA. LOC: A PROPOSTA ESTABELECE REPASSE DOS LUCROS PARA OS MORADORES E PARA INVESTIMENTOS NA PRÓPRIA COMUNIDADE. REPORTAGEM DE JOSÉ ODEVEZA. (Téc): O projeto beneficia assentados que ainda estão no processo de regularização do terreno. Pela proposta, os empreendimentos precisarão de uma autorização do Incra para executar a exploração energética, desde que, não ultrapassem 30% da área do imóvel e não prejudiquem o projeto do assentamento. O PL também prevê que metade dos lucros seja dividida entre os assentados e a outra parte revertida em benefício do desenvolvimento socioeconômico e da sustentabilidade local. O senador Jean Paul Prates, do PT do Rio grande do Norte, considera que o projeto vai ajudar também o mercado elétrico. (Jean Paul Prates): O Incra vai fazer uma licitação vai pegar uma área de assentamento e vai designar uma área para uso energético. Aquela área será licitada, as empresas de energia vão oferecer proposta. A melhor proposta ganha e aí o assentamento, através da sua associação, passa a administrar aquela receita que entra e distribui pelos assentados na proporção que eles democraticamente escolherem. (Repórter): A senadora Soraya Thronicke, do PSL de Mato Grosso do Sul, defendeu a votação da Medida Provisória da Regularização Fundiária, que trata das ocupações de terra em áreas da União. (Soraya Thronicke): É urgência só de um milhão de brasileiros. É urgência da economia do nosso país. É urgência daqueles que produzem à margem da ilegalidade. Pergunta para um assentado que busca sua dignidade se isso não é urgência na vida deles. (Repórter): O projeto que permite a exploração de energia limpa em assentamentos será analisada em caráter terminativo. Se aprovado na Comissão de Reforma Agrária, seguirá direto para a Câmara dos Deputados, a não ser que haja recurso para votação no Plenário do Senado. Sob supervisão de Hérica Christian, da Radio Senado José Odeveza.

A Comissão de Agricultura e Reforma Agrária (CRA) deve votar depois do carnaval o substitutivo apresentado ao Projeto de Lei do Senado (PLS 384/2016) que permite ao assentado, mediante autorização do Incra, a exploração do potencial de energia eólica ou solar existente no imóvel. Se aprovada pela CRA, a proposta seguirá direto para a Câmara dos Deputados, a não ser que haja recurso para votação no Plenário do Senado. Confira a reportagem de José Odeveza, da Rádio Senado.

TÓPICOS:
Agricultura  Câmara dos Deputados  Comissão de Agricultura e Reforma Agrária  CRA  Desenvolvimento  Economia  Empresas  Energia  Energia eólica  Incra  Investimentos  Mato Grosso  Mato Grosso do Sul  Medida Provisória  Plenário do Senado  PSL  PT  Reforma Agrária  Regularização Fundiária  Rio Grande do Norte  Senador Jean Paul Prates  Senadora Soraya Thronicke  Sustentabilidade  União 

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11
Ao vivo