Votações

Projeto que amplia área de atuação da Codevasf segue para sanção

O Senado aprovou nesta quinta-feira (13) uma proposta do presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), que amplia a área de atuação da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba, a Codevasf (PL 4731/2019). O relator da proposta, senador Carlos Viana (PSD-MG), destacou que a ampliação da área irá beneficiar dez estados e prometeu apresentar uma proposta que incluirá Amazonas, Roraima e as regiões de Minas Gerais que ainda não são atendidas pela Companhia. O projeto segue para sanção presidencial, como informa o repórter Rodrigo Resende.

13/08/2020, 19h31 - ATUALIZADO EM 13/08/2020, 19h35
Duração de áudio: 01:39
Fachada da sede da Codevasf.
Foto: Foto: Codevasf

Transcrição
LOC: O SENADO APROVOU UMA PROPOSTA QUE AMPLIA A ÁREA DE ATUAÇÃO DA CODEVASF, COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO DOS VALES DO SÃO FRANCISCO E DO PARNAÍBA. LOC: DEZ ESTADOS BRASILEIROS SERÃO BENEFICIADOS COM A MEDIDA. REPÓRTER RODRIGO RESENDE: TÉC: A proposta do presidente do Senado, Davi Alcolumbre, do Democratas do Amapá, amplia a área de atuação da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba. Ficam incluídas bacias hidrográficas localizadas nos Estados de Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia, Paraíba, Rio Grande do Norte, Piauí, Maranhão, Ceará e Amapá. O relator da proposta, senador Carlos Viana, do PSD de Minas Gerais, destaca que a companhia é um importante instrumento de desenvolvimento das áreas ribeirinhas e, consequentemente, para os estados que vão agora ser incluídos na área de atuação da Codevasf: Carlos Viana – a Codevasf vem contribuindo de forma significativa para o desenvolvimento econômico e social das regiões em que atua. A atuação da Companhia envolve a revitalização de bacias hidrográficas, o desenvolvimento territorial e a irrigação. Trata-se de um conjunto de ações que têm impacto imediato na qualidade de vida da população e das regiões atendidas. (REP) No entanto senadores da região Norte lamentaram a retirada de bacias amazônicas do projeto. É o caso de Eduardo Braga, do MDB do Amazonas: Eduardo Braga – Porque nós no Amazonas não podemos ser prejudicados. Esse é um instrumento importante para investirmos recursos da União na melhoria da infraestrutura de desenvolvimento regional na bacia hidrográfica da Amazônia e do Amazonas. (REP) O senador Carlos Viana sinalizou que apresentará um projeto para incluir o Amazonas, Roraima e regiões de Minas Gerais que estão fora da área de atuação da Codevasf. A matéria segue para a sanção presidencial. Da Rádio Senado, Rodrigo Resende. PROJETO: Substitutivo 4731/2019 -

Ao vivo
00:0000:00