Eleições 2020

Presidente do TSE participa na segunda de sessão sobre adiamento das eleições municipais

02:02Presidente do TSE participa na segunda de sessão sobre adiamento das eleições municipais

Transcrição LOC: O PRESIDENTE DO TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL, LUÍS ROBERTO BARROSO, PARTICIPA NESTA SEGUNDA-FEIRA DE SESSÃO NO SENADO PARA DISCUTIR O ADIAMENTO DAS ELEIÇÕES MUNICIPAIS. LOC: O PRESIDENTE DAVI ALCOLUMBRE DISSE QUE UMA EMENDA CONSTITUCIONAL ESTÁ EM ELABORAÇÃO E SERÁ VOTADA JÁ NA TERÇA-FEIRA. REPORTAGEM DE IARA FARIAS BORGES. (Repórter) O texto da PEC, Proposta de Emenda à Constituição, que adia para novembro as eleições municipais de 2020 já está em estudo e será aprimorado em sessão de debates com o presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Luís Roberto Barroso. O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, do Democratas do Amapá, explicou que um parecer de médicos e infectologistas que estudam a pandemia da covid-19 sugeriram ao Parlamento brasileiro esse adiamento. Alcolumbre disse que já está quase conciliado que o primeiro turno das eleições ocorra em 15 de novembro, em vez de 4 de outubro. Escolhido para relatar a PEC, o senador Weverton, do PDT maranhense, disse que pretende entregar o relatório logo após a sessão. (Weverton): “Estamos correndo para ver se consigo, ainda, até segunda-feira à meia-noite, depois dessa Comissão Geral, já ter condição de disponibilizar o relatório, porque estamos correndo contra o tempo. É um assunto que, claro, movimenta todo o Brasil e não podemos segurar essa matéria”. (Rep): O presidente Davi prometeu votar a PEC já na terça-feira. (Davi Alcolumbre): “É preciso, sim, fazermos o adiamento das eleições e para assegurarmos os prazos para todos aqueles que pretendem disputar as eleições e para garantirmos a saúde, a vida e a proteção dos 150 milhões de eleitores que vão escolher 5570 prefeitos e milhares de vereadores no Brasil a gente já tá decidindo que na terça-feira nós pautaremos para votação em primeiro e segundo turnos, e vamos entregar, se Deus quiser, ainda na terça-feira, no máximo na quarta-feira, para a Câmara dos Deputados. Para a gente poder garantir, principalmente, os prazos já estabelecidos, segurança jurídica e fortalecimento da democracia e termos eleição ainda este ano”. (Repórter) Além do ministro Barroso, participam da sessão de debates médicos, infectologistas, prefeitos e vereadores. A sessão terá início às duas da tarde, horário de Brasília. Da Rádio Senado, Iara Farias Borges.

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, participa nesta segunda-feira (22), a partir das 14h, de sessão de debates sobre o adiamento das eleições municipais de 2020. O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), explicou que uma proposta de emenda à Constituição (PEC) está sendo elaborada e que o dia 15 de novembro é a data provável para o primeiro turno das eleições. Escolhido para relatar a PEC, o senador Weverton (PDT-MA) pretende entregar o relatório logo após a sessão de debates. Segundo Alcolumbre, a proposta será votada em primeiro e segundo turnos já na terça-feira (23). Reportagem, Iara Farias Borges.

TÓPICOS:
Amapá  Brasília  Câmara dos Deputados  Constituição  covid-19  Davi Alcolumbre  Democracia  Eleições  Emenda Constitucional  pandemia  Pandemia da covid-19  PDT  Podemos  Proposta de Emenda à Constituição  Roberto Barroso  Saúde  Segurança  Senador Davi Alcolumbre  Tribunal Superior Eleitoral  DEM  TSE  Eleições 2020 

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11
Ao vivo