Saúde

Hábitos de higiene são os maiores aliados na guerra contra o Coronavírus

02:28Hábitos de higiene são os maiores aliados na guerra contra o Coronavírus

Transcrição LOC: DIVULGAÇÃO DE INFORMAÇÕES CORRETAS, HÁBITOS DE HIGIENE E CONTROLE DE RODOVIAS, PORTOS E AEROPORTOS SÃO AS PRINCIPAIS MEDIDAS PARA CONTER O AVANÇO DO CORONAVÍRUS NO BRASIL. LOC: A DOENÇA TEVE O PRIMEIRO CASO CONFIRMADO NO PAÍS. REPÓRTER REGINA PINHEIRO. TÉC: Água, sabão e soluções à base de álcool: essas são as principais armas para prevenir o Covid-19, o novo tipo de Coronavírus, que já teve um caso confirmado no Brasil. O site da Organização Pan-Americana da Saúde estima que o período de incubação do vírus varia de 1 a 14 dias. Por isso, brasileiros que venham de países com surto, como a China, devem passar por um período de quarentena como determina a Lei 13.979 de 2020 aprovada pelo Senado no início deste mês. A lei regulamenta as medidas que devem ser adotadas pelas autoridades sanitárias em caso de emergência de saúde pública provocada pelo coronavírus. O vírus é transmitido de pessoa para pessoa, por meio do ar e contato com secreções como saliva e gotículas liberadas com a tosse e espirro. É preciso evitar colocar as mãos nos olhos, boca e nariz. A higienização das mãos também deve ser feita de forma cuidadosa, como destaca a enfermeira da Coordenação de atenção à saúde do Servidor do Senado Federal, Natália de Melo Manzi. (Natália) “Em relação à lavagem das mãos, o ideal é que ela tem ser uma lavagem criteriosa, que pegue toda a superfície das mãos, que tenha movimentos repetitivos em todas as mãos, pra que toda ela seja descontaminada. Então, ela tem que ser feita de uma maneira mais criteriosa, o ideal é que seja por volta de 20 segundos”. (Rep) Natália ainda explica que, caso a pessoa esteja impossibilitada de lavar as mãos com sabão, a utilização do álcool gel a 70% é satisfatória na prevenção à doença. O site da Organização Pan-Americana da Saúde informa que se deve ter cuidado ao consumir alimentos como carnes e ovos. Natália explica o porquê. (Natália) “A questão dos alimentos é justamente do contato com superfícies contaminadas. Então, se alguém está preparando alimento e está tossindo perto, não tem aquelas boas condições de higiene do local. Aí, realmente pode acontecer, através de uma tosse, contaminar os alimentos. (Rep): Os casos mais graves do Coronavírus atingem a faixa dos idosos e de pacientes com alguma doença que causa a diminuição da imunidade. Os sintomas da doença são de uma gripe comum, como febre, tosse e dificuldade para respirar. Neste caso, o paciente deve procurar o serviço de saúde mais próximo. A população também deve estar atenta às mensagens que chegam por meio das Redes Sociais, para que não haja pânico. Confirme as informações nas páginas oficias de órgãos como o Ministério da Saúde ou da Organização Pan-Americana da Saúde no endereço paho.org/pt. Da Rádio Senado, Regina Pinheiro

Primeiro caso de Coronavírus no Brasil é confirmado. Divulgação de informações corretas, hábitos de higiene e controle de rodovias, portos e aeroportos são as principais medidas para conter o avanço da doença no país. Repórter Regina Pinheiro

TÓPICOS:
Aeroportos  Água  Alimentos  China  Idosos  Ministério da Saúde  Portos  PT  Redes Sociais  Rodovias  Saúde  Saúde Pública  Senado Federal 

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11
Ao vivo