Comissões

Fake News é apenas um dos instrumentos de desinformação, apontam especialistas na CE

02:28Fake News é apenas um dos instrumentos de desinformação, apontam especialistas na CE

Transcrição LOC: AS FAKE NEWS SÃO APENAS UM DOS INSTRUMENTOS DE DESINFORMAÇÃO NA COMUNICAÇÃO DE ACORDO COM ESPECIALISTAS. LOC: REPRESENTANTES DA UNESCO, DA AVAAZ E DA FUNDAÇÃO ROBERTO MARINHO DEBATERAM O TEMA NA COMISSÃO DE EDUCAÇÃO. A REPORTAGEM É DE RODRIGO RESENDE: TÉC: A desinformação é perigosa porque não ela não só manipula democracias, mas ela leva à morte na vida real. Isso aqui foi no Brasil no Guarujá uma mãe de família foi assassinada por conta de um boato a respeito de bruxaria algo totalmente mentiroso ela foi assassinada. A Pâmela que foi espancada por uma multidão, grávida, após falso boato dela ser sequestradora de crianças na cidade dela. (REP) Esses exemplos dados por Laura Moraes, representante da Avaaz, mostram que as Fake News podem sair do mundo virtual para o real de forma trágica. Laura aponta ainda números relacionados a mentiras que foram compartilhadas na eleição de 2018: (Laura) 74% dos eleitores tiveram contato com as seguintes do kit gay. 86% tiveram contato com a história sobre as urnas eletrônicas adulteradas, que foi uma fake news compartilhada a poucos dias das eleições. (REP) Patrícia Blanco, presidente Executiva do Instituto Palavra Aberta, lembra que o termo Fake News, muitas vezes, é usado incorretamente para se referir a uma matéria que desagradou ao cidadão e não a uma notícia falsa, como é de fato. (Patrícia) Então, quando eu não gosto de uma matéria jornalística feita e publicada em algum determinado veículo, eu acuso aquele veículo de fake News. Então isso é muito prejudicial também porque acaba colocando nesse ambiente de “infocalipse” todas as informações no mesmo Balaio. O cidadão passa a não acreditar em mais nada. (REP) Alexandre Le Voci, da UNESCO, destaca que as Fake News são apenas uma das formas de desinformação. (Alexandre) Por exemplo, a Unesco Global usa “misinformation” ou desinformação. Que inclui a excesso de informação, informação falsa publicada propositalmente, informação falsa publicada sem intencionalidade, erro jornalístico, propaganda confundida com conteúdo editorial. (REP) Para o senador Flávio Arns, da Rede Sustentabilidade do Paraná, a discussão é urgente, principalmente em um mundo dominado pelas redes sociais: (Flávio Arns) E vermos como que as mídias sociais possam também na medida do possível não serem contaminados por aquilo que a gente chama de fake News ou notícias falsas, não verdadeiras. (REP) De acordo com pesquisa da Avaaz, 7 em cada 10 brasileiros se informam por redes sociais.

 As notícias falsas são apenas um dos instrumentos de desinformação de acordo Alexandre Le Voci, representante da Unesco, que participou de audiência pública sobre o tema na Comissão de Educação (CE). Para o senador Flávio Arns (Rede-PR), as redes sociais devem ser utilizadas com responsabilidade, sem a difusão de informações mentirosas. A reportagem é de Rodrigo Resende, da Rádio Senado.

TÓPICOS:
Água  CDH  Comissão de Educação, Cultura e Esporte  Comunicação  Conexão Senado  Cultura  Educação  Energia  Escolas  Esporte  Internet  Meios de Comunicação  Paraná  PR  Rede  Rede Sustentabilidade  Senador Flávio Arns  Sustentabilidade  Unesco 

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11
Ao vivo