Agenda de Votações

Definida pauta de votação para os próximos dias

02:09Definida pauta de votação para os próximos dias

Transcrição LOC: PLENÁRIO DEVERÁ VOTAR AUXÍLIO DE SEISCENTOS REAIS PARA AGRICULTOR FAMILIAR E LIMITAÇÃO DOS JUROS DO CARTÃO E DO CHEQUE ESPECIAL DURANTE A PANDEMIA. LOC: NA PAUTA DESTA SEMANA TAMBÉM ESTÃO A PROIBIÇÃO DE CORTES NO ORÇAMENTO DA CIÊNCIA E TECNOLOGIA, USO DO SALÁRIO-EDUCAÇÃO PARA PAGAMENTO DE PESSOAL E O REVALIDA PARA MÉDICOS ESTRANGEIROS. REPÓRTER HÉRICA CHRISTIAN TÉC: Em reunião com o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, do Democratas do Amapá, os líderes partidários decidiram votar uma série de projetos de lei relacionados à pandemia. Estão na pauta de quarta-feira o repasse de R$ 65 bilhões da União para estados e municípios exportadores a título de compensação da Lei Kandir e a adesão do Brasil ao Banco Asiático de Investimento em Infraestrutura liderado pela China, além do pagamento do auxílio emergencial para agricultores familiares, como explicou o senador Paulo Rocha, do PT do Pará. (Paulo Rocha) É fundamental dizer que esse apoio é cerca de R$ 3.000 pago em cinco parcelas durante a calamidade pública que está instalada até o 31 de dezembro conforme o decreto governamental. REP: Já o senador Izalci Lucas, do PSDB do Distrito Federal, comemorou a votação da proibição de cortes no Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Izalci) Esse Fundo já há alguns anos vem sendo contingenciado e muito pouco recurso tem sido investido em pesquisa ciência e inovação. REP: Na quinta-feira, os senadores deverão votar mudanças no regime de tributação das empresas durante a pandemia e autorização para a Administração Pública rever contratos. Para o senador Alvaro Dias, do Podemos do Paraná, a proposta mais importante é a que limita em 20% os juros do cheque especial e do cartão de crédito até o final do ano. (A.Dias) A média do Brasil é de 312%, mais de 300% nesse ano de pandemia. Há momentos em que temos instituições cobrando 800% até 1200%. É a agiotagem. REP: O Plenário poderá votar ainda a realização em 30 dias da prova Revalida, destinada a médicos estrangeiros e brasileiros formados no exterior e a permissão para o uso do salário-educação no pagamento de pessoal durante a pandemia. Da Rádio Senado, Hérica Christian.

Os líderes partidários decidiram votar nesta semana auxílio emergencial de R$ 600 para agricultores familiares, que, segundo o senador Paulo Rocha (PT-PA), será pago em cinco parcelas. Também estão na pauta o repasse de R$ 65 bilhões da União para estados e municípios, além do uso do salário-educação para pagamento de pessoal. O senador Izalci Lucas (PSDB-DF) comemorou a inclusão na pauta do projeto que proíbe cortes do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Ciência e Tecnologia. Na quinta-feira, está prevista a votação da mudança de tributação pelas empresas, alteração de contratos da Administração Pública e o novo Revalida para permitir a prova de médicos estrangeiros e brasileiros formados no exterior. O senador Alvaro Dias (Podemos-PR) espera a aprovação da proposta que limita em 20% os juros do cheque especial e do cartão de crédito até dezembro. As informações são da repórter Hérica Christian.

PL 96/2020

PL 735/2020

PL 2906/2020

PL 1166/2020

PL 2139/2020

PL 248/2020

PLP 33/2020

PLP 133/2020

PLP 135/2020

PDL 336/2020

TÓPICOS:
Administração Pública  Agricultura  Agricultura familiar  Amapá  Auxílio emergencial  China  Ciência e Tecnologia  Crédito  Davi Alcolumbre  Desenvolvimento  Distrito Federal  Educação  Empresas  Estados  Estrangeiros  Infraestrutura  Juros  Lei Kandir  Municípios  Orçamento  pandemia  Pará  Paraná  Podemos  PR  PSDB  PT  Senador Alvaro Dias  Senador Davi Alcolumbre  Senador Izalci Lucas  Senador Paulo Rocha  Tecnologia  Tributação  União 

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11
Ao vivo