CRE vai debater a criação da Corte Penal Latino-americana e do Caribe Contra o Crime Organizado

 

A criação da Corte Penal Latino-Americana e do Caribe (COPLA) será tema de audiência pública na Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE). A iniciativa para o debate é do senador Marcos do Val (PODE-ES), que também é autor de Projeto de Resolução que cria a Frente Parlamentar de Apoio à COPLA (PRS 89/2019). Serão convidados para o debate o deputado argentino Fernando Iglesias; o professor e Procurador da República André de Carvalho Ramos; e consultor legislativo do Senado, professor Tarciso Dal Maso Jardim. Reportagem, Iara Farias Borges

 

25/10/2019, 13h04 - ATUALIZADO EM 25/10/2019, 13h04
Duração de áudio: 01:40
Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

Transcrição
LOC: A CRIAÇÃO DA CORTE PENAL LATINO-AMERICANA E DO CARIBE CONTRA O CRIME ORGANIZADO SERÁ TEMA DE AUDIÊNCIA PÚBLICA NO SENADO. LOC: O DEBATE É PROMOVIDO PELA COMISSÃO DE RELAÇÕES EXTERIORES E DEFESA NACIONAL. REPORTAGEM DE IARA FARIAS BORGES. TÉC: A criação da COPLA, Corte Penal contra o crime organizado na América Latina e no Caribe, vem sendo discutida nos Parlamentos da Argentina e do Paraguai e em fóruns internacionais, como a Assembleia Parlamentar Euro/Latino-americana e o Parlamento do Mercosul. Para trazer a discussão do assunto ao Brasil, o senador Marcos do Val, do Podemos do Espírito Santo, apresentou um projeto para instituir a Frente Parlamentar de Apoio à COPLA. A proposta está em análise na Comissão de Relações Exteriores e tem como relator o senador Angelo Coronel, do PSD baiano. A audiência pública, também de iniciativa do senador do Val, vai debater com especialistas a criação da Corte, que pretende reprimir o crime transnacional na América Latina e no Caribe. Ao defender a criação da Copla, o senador Marcos do Val disse que, para serem efetivas, as ações de combate aos crimes devem ser articuladas entre os países. (Marcos do Val): “Não há como negar que o crime transnacional tem afetado a região de modo gravíssimo, gerando violência e corrupção e afetando a democracia, sobretudo mediante o tráfico de drogas, tráfico de armas, tráfico de pessoas e a lavagem de dinheiro”. (Rep): Serão convidados para o debate o deputado argentino Fernando Iglesias; o professor e Procurador da República André de Carvalho Ramos; e o consultor legislativo do Senado, professor Tarciso Dal Maso Jardim. A data da audiência ainda será definida pela comissão. Da Rádio Senado, Iara Farias Borges. - REQ 64/2019 - CRE - PRS 89/2019

Ao vivo
00:0000:00