Comissões

CRA debate estímulo à produção nacional de pescado e turismo sustentável

02:23CRA debate estímulo à produção nacional de pescado e turismo sustentável

Transcrição LOC: O INCENTIVO AO SETOR PESQUEIRO E AO TURISMO SUSTENTÁVEL FOI DEFENDIDO NESTA QUINTA-FEIRA NA COMISSÃO DE AGRICULTURA. LOC: O CONSUMO DE PEIXE BRASILEIRO E A PESCA ESPORTIVA FORAM ALGUNS DOS PONTOS CITADOS DURANTE A AUDIÊNCIA PÚBLICA. A REPORTAGEM É DE MARCELLA CUNHA TÉC: A Comissão de Agricultura quer incentivar o desenvolvimento do setor pesqueiro e turístico brasileiro. O representante da Embratur, Dougllas Rezende, defendeu o turismo sustentável por meio da pesca esportiva, quando os peixes são devolvidos vivos à natureza. (Dougllas) Não vale a pena turisticamente a gente ter um bem, um patrimônio, uma ectiofauna que seja explorada de maneira predatória que acabe por encerrar o produto turístico a ser explorado. (REP) Segundo os participantes, um quilo de peixe vivo chega a valer até 10 vezes mais do que o de pescado, pelo valor que agrega à toda a cadeia produtiva. Já o secretário de Aquicultura e Pesca do Ministério da Agricultura, Jorge Seif, disse que é preciso ampliar a participação do Brasil no comércio internacional, adequando nosso setor produtivo às exigências do mercado europeu. Seif também defendeu o aumento da produção para consumo interno utilizando o exemplo chinês de aquicultura, com a produção de pescado nos lagos das hidrelétricas e águas da União. (Seif): Para mim é uma vergonha gigantesca o Brasil desse tamanho nós sermos importadores de pescado, é absurdo. E hoje quando nós brasileiros vamos ao restaurante, nós pedimos o salmão chileno para comer, nós comemos o bacalhau norueguês e nós comemos o camarão equatoriano. (REP) Seif afirmou que é preciso desburocratizar a Cessão de Águas da União, agilizando as concessões para quem quer produzir. A presidente da Comissão, senadora Soraya Thronicke, do PSL de Mato Grosso do Sul, elogiou a inciativa da Secretaria de Agricultura e Pesca junto ao Ministério da Justiça de combate às vendas casadas por agentes financeiros que condicionam empréstimos a pescadores à contratação de outros serviços com o banco. (Soraya) Tenho combatido a venda casada, várias vezes em foi negada essa prática. Também tem que obter lucro, claro. Mas se é para o fomento, pelo amor de Deus, não façam isso com povo brasileiro, nós não toleramos mais. (REP) Para denunciar a venda casada em bancos, basta acessar o site www.consumidor.gov.br.

A Comissão de Agricultura e Reforma Agrária discutiu nesta quinta-feira o desenvolvimento econômico do setor pesqueiro e turístico brasileiro. O Secretário de Aquicultura e Pesca do Ministério da Agricultura, Jorge Seif, defendeu o estímulo à produção de pescado em território brasileiro. A presidente da Comissão, senadora Soraya Thronicke (PSL-MS) quer acabar com a venda casada em bancos como condição para empréstimo a pescadores. A reportagem é de Marcella Cunha

TÓPICOS:
Agricultura  Aquicultura  Bancos  Comércio  Comissão de Agricultura e Reforma Agrária  Comissões  Consumidor  CRA  Desenvolvimento  Justiça  Mato Grosso  Mato Grosso do Sul  Ministério da Justiça  Pesca  PSL  Reforma Agrária  Senadora Soraya Thronicke  Turismo  União 

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11
Ao vivo