Pandemia

Corte de bolsas de estudo pode ser proibido até 2021

01:31Corte de bolsas de estudo pode ser proibido até 2021

Transcrição LOC: CORTE DE BOLSAS DE ESTUDO PODE SER PROIBIDO ATÉ MARÇO DE 2021 EM FUNÇÃO DA PANDEMIA DA COVID-19 LOC: PROPOSTA EM ANÁLISE NO SENADO TAMBÉM INCLUI CASOS DE MESTRADO E DOUTORADO. REPÓRTER PEDRO PINCER: TÉC: Projeto apresentado pelo senador Jayme Campos, do Democratas de Mato Grosso, proíbe que o governo faça qualquer corte na concessão de bolsas na educação superior, por um ano, a partir de 20 de março, quando foi decretado o estado de calamidade pública. De acordo com a proposta, fica vedada a interrupção de bolsas de estudos ou de bolsas de apoio financeiro de fomento à iniciação científica e à docência, à especialização em residência médica e multiprofissional em saúde, além das de mestrado e doutorado. Para Jayme Campos, o projeto pode acabar com o receio dos estudantes de perderem as bolsas durante a pandemia. (Jayme Campos) A maioria dos auxílios concedidos a título de bolsa de estudo, ou de apoio à manutenção dos estudantes, exige dedicação exclusiva, o que impede que os beneficiados tenham outros meios de autofinanciar necessidades básicas como alimentação, moradia e transporte. (REP): O senador lembra que, além da questão educacional, a proposta tem um aspecto social importante. (Jayme Campos 2 15) Além da importância acadêmica, essas bolsas têm um enorme valor social, pois, em algum momento, são indissociáveis da própria sobrevivência dos estudantes, notadamente daqueles que economicamente são mais vulneráveis. É um projeto que valoriza a educação, a ciência, a inovação e a geração de oportunidades para a juventude brasileira. (REP) O senador diz que o aumento do desemprego e o declínio da atividade econômica também são motivos para que o projeto seja aprovado. Da Rádio Senado, Pedro Pincer. PL 4108/2020

Projeto apresentado pelo senador Jayme Campos (DEM-MT) proíbe que o governo faça cortes na concessão de bolsas na educação superior, por um ano, a partir de 20 de março, quando foi decretado o estado de calamidade pública. De acordo com a proposta, fica vedada a interrupção de bolsas de estudos ou de bolsas de apoio financeiro de fomento à iniciação científica e à docência, à especialização em residência médica e multiprofissional em saúde, além das de mestrado e doutorado. As informações com o repórter Pedro Pincer.

TÓPICOS:
covid-19  DEM  Desemprego  Educação  Mato Grosso  Moradia  pandemia  Pandemia da covid-19  Saúde  Senador Jayme Campos 

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11
Ao vivo