Comissões

Comissão vai debater importância da educação no combate à violência contra a mulher

01:38Comissão vai debater importância da educação no combate à violência contra a mulher

Transcrição LOC: A COMISSÃO DE EDUCAÇÃO VAI DEBATER NA PRÓXIMA TERÇA-FEIRA A IMPORTÂNCIA DA EDUCAÇÃO PARA REDUZIR OS CASOS DE VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER. LOC: FORAM CONVIDADAS MULHERES QUE PARTICIPAM DO PROJETO CAMINHO DAS FLORES, CRIADO EM 2018 PELA POLÍCIA CIVIL DO DISTRITO FEDERAL. AS INFORMAÇÕES COM O REPÓRTER MAURÍCIO DE SANTI: TÉC: O Projeto Caminho das Flores promove uma série de ações de valorização e de proteção da mulher em parceria com a comunidade. O autor do pedido de audiência pública, senador Izalci Lucas, do PSDB do Distrito Federal, disse que o debate na Comissão de Educação será o começo de uma mobilização para que o respeito às mulheres seja uma bandeira educacional na tentativa de mudar a mentalidade das futuras gerações. A mesma opinião tem o senador Plínio Valério, do PSDB do Amazonas, que também é integrante da Comissão de Educação: (PLÍNIO VALÉRIO): É importante, é muito importante os meninos, os homens, entenderem isso. Então desde pequenininho ele ouvindo que isso tudo não é certo, que isso tá errado, que mulher não é propriedade, que mulher tem o direito de dizer não, eu tenho esperança nessa nova geração. Não tem porque aceitar, o assédio, as brincadeiras. Eu acho que, desde cedo, vai ser legal ensinar as crianças isso. (MAURÍCIO): Entre as participantes do debate na Comissão de Educação estão a delegada Márcia Margarete Pessanha, a professora universitária Susana Bruno e a procuradora da Fazenda Nacional do Distrito Federal Neydja Morais. Todas elas são integrantes do projeto Caminho das Flores. E na segunda-feira, a partir das 9 e meia da manhã, a Comissão de Direitos Humanos vai discutir a situação dos professores na proposta de Reforma da Previdência. A autora do pedido é a senadora Leila Barros, do PSB do Distrito Federal. As duas reuniões são interativas e você pode enviar perguntas por meio do telefone 0800 61 22 11 ou do endereço eletrônico senado.leg.br/ecidadania. Da Rádio Senado, Maurício de Santi.

A Comissão de Educação (CE) vai debater na próxima terça-feira (30) a importância da educação para reduzir os casos de violência contra a mulher. A reunião atende a um pedido feito pelo senador Izalci Lucas (PSDB-DF) e foram convidadas mulheres que participam do Projeto Caminho das Flores. Já a Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) marcou para segunda-feira (29) uma audiência pública para tratar da situação dos professores na proposta de reforma da previdência. O debate foi solicitado pela senadora Leila Barros (PSB-DF). As informações com o repórter Maurício de Santi, da Rádio Senado.

TÓPICOS:
Amazonas  Direitos Humanos  Distrito Federal  Educação  Polícia Civil  Previdência  Professores  PSB  PSDB  Reforma da Previdência  Senador Izalci Lucas  Senador Plínio Valério  Senadora Leila Barros  Violência  Violência Contra a Mulher  CDH  CE  Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa  Comissões 

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11