Comissões

CAS aprova isenção de Imposto de Renda sobre aposentadoria complementar

01:34CAS aprova isenção de Imposto de Renda sobre aposentadoria complementar

Transcrição LOC: A COMISSÃO DE ASSUNTOS SOCIAIS APROVOU A ISENÇÃO DE IMPOSTO DE RENDA SOBRE A APOSENTADORIA COMPLEMENTAR. LOC: A INTENÇÃO DA PROPOSTA É COMPENSAR BENEFICIÁRIOS DE APOSENTADORIA OU PENSÃO QUE TÊM PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR E RECEBEM MAIS DO QUE O SALÁRIO MÍNIMO. A REPORTAGEM É DE PEDRO PINCER: TÉC: Parcelas de complementação de aposentadoria recebidas por homens e mulheres a partir de 65 e 60 anos, respectivamente, poderão ficar isentas de taxação do Imposto de Renda. A ampliação indireta da renda dos idosos está no Projeto de Lei 3.689 de 2019, aprovado pela Comissão de Assuntos Sociais. O projeto, do senador Jorge Kajuru, do Cidadania de Goiás, isenta do tributo os rendimentos pagos por entidade de previdência complementar a esse segmento da população. A intenção da proposta é compensar, ao menos parcialmente, beneficiários de aposentadoria ou pensão que têm previdência complementar e recebem mais do que o salário mínimo. O relator, senador Weverton, do PDT do Maranhão, avaliou que a proposta merece aprovação. No relatório favorável ao texto, lido pelo senador Paulo Paim, do PT do Rio Grande do Sul, ele lembra que o reajuste do benefício para aposentados que recebem acima do salário mínimo não é automático e depende do Executivo. (Paulo Paim) A presente proposição cria um alívio para esses aposentados e pensionistas que estão nessa situação, ao excluir do IRPF as parcelas de complementação de aposentadoria recebidas pelos idosos, ampliando, indiretamente, sua renda. Ao mesmo tempo, evita a acumulação de benefícios, ao afastar a dedução dos valores de contribuição para planos e instituições de previdência complementar. Compensando, parcialmente, a redução de arrecadação decorrente da isenção. (REP) O projeto segue agora para votação final na Comissão de Assuntos Econômicos. Da Rádio Senado, Pedro Pincer .

Parcelas de complementação de aposentadoria recebidas por homens e mulheres a partir de 65 e 60 anos, respectivamente, poderão ficar isentas de taxação do Imposto de Renda. A ampliação indireta da renda dos idosos está no Projeto de Lei (PL) 3.689/2019, aprovado pela Comissão de Assuntos Sociais.  A reportagem é de Pedro Pincer, da Rádio Senado.

TÓPICOS:
Aposentadoria  Aposentados  CAS  Cidadania  Comissão de Assuntos Econômicos  Comissão de Assuntos Sociais  Comissões  Goiás  Idosos  Imposto de Renda  Maranhão  PDT  Pensionistas  Previdência  PT  Rio Grande do Sul  Salário Mínimo  Senador Jorge Kajuru  Senador Paulo Paim 

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11
Ao vivo