Ir para conteúdo principal

Uma reforma para ser boa tem que proteger o trabalhador, diz Marta Suplicy

20/06/2017, 19h51 - ATUALIZADO EM 22/06/2017, 20h16

A senadora Marta Suplicy (PMDB-SP) avalia as chances de aprovação da proposta de reforma trabalhista (PLC 38/2017) na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), a partir de quarta (21). A senadora apresentou 11 emendas, que foram rejeitadas, e aponta trechos que devem ser alterados a favor do trabalhador.

Últimos vídeos



Mais vistos