CAE sabatina Fabio Kanczuk, indicado para diretoria do Banco Central

Da Redação | 25/10/2019, 09h54

A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) sabatina na terça-feira (29), a partir das 10h, o indicado para assumir a Diretoria de Política Econômica do Banco Central do Brasil, Fabio Kanczuk. Ele vai atuar ao lado do presidente do banco, Roberto Campos Neto, e de outros sete diretores colegiados.

Fabio Kanczuk nasceu em 1969, em São Paulo. Graduou-se como engenheiro eletrônico no Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), em 1991. Concluiu mestrado e doutorado em economia pela Universidade da Califórnia, em Los Angeles, nos anos de 1995 e 1998, respectivamente.

Atuou como professor da Universidade de São Paulo (1991 a 2012) e foi professor visitante na escola de negócios de Harvard (2001 a 2002) e na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2000 a 2001), além de professor assistente na Universidade da Califórnia (1995 a 1997).

Kanczuk também foi consultor independente na Syllabus Engenharia Econômica (2014 a 2016) e sócio e economista-chefe na Brazil Warrant Gestão de Investimentos (2012  a 2014), na Reliance Asset Management (2007 a 2012) e na MCM Consultores Associados (2002 a 2007). Atuou ainda na Rosenberg & Associados. Declarou ser sócio da Syllabus.

Em 2018, foi diretor-executivo para o Brasil e outros oito países junto ao Banco Mundial, tendo sido secretário de Política Econômica no período de outubro de 2016 a setembro de 2018.

O relator da indicação na CAE, senador Otto Alencar (PSD-BA), destacou “o alto nível de qualificação profissional e a formação acadêmica e técnica” do indicado para a diretoria do BC.

Empréstimos

Os integrantes da CAE também devem analisar duas mensagens de contratação de operação de crédito. A primeira autoriza a União, na figura do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, a contratar empréstimo junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), no valor de US$ 195 milhões, para investimentos no Programa de Modernização e Fortalecimento da Defesa Agropecuária — ProDefesa. O relator é o senador Angelo Coronel (PSD-BA).

Outra autorização em análise é para o município de Vila Velha (ES) contratar empréstimo de US$ 27,6 milhões junto ao Fundo Financeiro para o Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata). Os recursos são para o financiamento parcial do Programa de Requalificação Urbana e Melhorias Ambientais em Vila Velha. O relator é o senador Otto Alencar (PSD-BA).

A reunião da CAE será na sala 19 da ala senador Alexandre Costa.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Senado Agora
20h43 Orçamento de ministérios: Senado aprovou, em votação simbólica, abertura de crédito suplementar de mais de R$ 615 mi em favor dos Ministérios da Agricultura, da Justiça e da Defesa. O PLN 17/2020, já aprovado pelos deputados, vai à sanção presidencial.
20h41 Derrubado veto a serviços jurídicos sem licitação: Senadores derrubaram veto (VET 1/2020) ao projeto que permite dispensa de licitação para contratação de serviços jurídicos e de contabilidade pela administração pública (PL 4.489/2019). A proposta segue à promulgação.
19h54 Derrubado veto à telemedicina: Os senadores derrubaram veto (VET 6/2020) ao projeto que regula o exercício da telemedicina durante a pandemia de covid-19 (PL 696/2020). Os dispositivos que haviam sido vetados seguem para promulgação.
Ver todas ›