Rodrigo Cunha pede urgência na liberação do FGTS para moradores de bairro atingido por tremor de terra

Da Redação | 13/02/2019, 20h54 - ATUALIZADO EM 14/02/2019, 11h03

Em discurso no Plenário, nesta quarta-feira (13), o senador Rodrigo Cunha (PSDB-AL) solicitou ao governo federal a maior rapidez possível na liberação do FGTS de moradores do Bairro do Pinheiro, em Maceió. O bairro foi atingido no ano passado por tremores de terra que causaram rachaduras em imóveis e fissuras em ruas.

De acordo com o parlamentar, após fortes chuvas e a ocorrência de um tremor de terra no Bairro do Pinheiro, muitas casas passaram a apresentar rachaduras nas paredes e no piso. Uma das possíveis causas para o problema, explicou o senador, é a extração de sal-gema na área pela empresa Braskem.

Rodigo Cunha disse que já solicitou reunião com o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, a fim de tratar do problema do levantamento do FGTS pelos moradores atingidos.

— O FGTS dá um alívio imediato, faz com que a pessoa possa, de repente, até comprar outro imóvel em outra localidade. O governo já liberou o aluguel social. Algumas pessoas conseguiram ter acesso, outras, não. Então, é importantíssimo que a gente venha clamar [por] um olhar social e humanizado para essa situação que afeta, repito, mais de 20 mil pessoas. Não é uma nem são duas. É uma situação realmente muito caótica — disse.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Senado Agora
09h44 Mulheres no serviço militar: A Comissão de Relações Exteriores aprovou projeto (PLS 213/2015) que garante às mulheres o direito de prestar serviço militar voluntário.
09h41 OCDE: A Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE) aprovou texto de acordo de 2015 que amplia a cooperação entre o Brasil e a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). A matéria vai a Plenário.
Ver todas ›