Brasil é protagonista mundial na segurança alimentar, destaca Wellington Fagundes

Da Redação | 20/12/2018, 14h53 - ATUALIZADO EM 31/01/2019, 18h10

O senador Wellington Fagundes (PR-MT) fez um alerta para o aumento populacional previsto para as próximas décadas, que deve ressaltar a importância do Brasil na agropecuária mundial. No Plenário, nesta quinta-feira (20), ele lembrou que, segundo a Organização das Nações Unidas, em 20 anos haverá mais de 20 bilhões de pessoas no planeta.

- O Brasil é o único com capacidade de aumentar sua capacidade de produção de alimentos, visto que China, Estados Unidos, Europa e outros países estão no limite. Diante desse quadro, somos protagonistas da segurança alimentar. Temos clima, terras e um povo trabalhador. Algo predestinado pela história - analisou.

O parlamentar insistiu no fortalecimento da Secretaria de Defesa Animal do Ministério da Agricultura, defendeu a ampliação do quadro efetivo de auditores fiscais agropecuários e pediu aos governadores que deem atenção especial à estrutura da defesa sanitária em seus estados.

- Somos terra da agropecuária. Esse casamento espetacular exige de todos consciência politica. A agropecuária é e será cada vez mais um dos motores para um futuro de prosperidade e justiça social - disse.

Wellington Fagundes é representante do Mato Grosso, que é o maior exportador de carne bovina e dono do maior rebanho do país. Ele lembrou que, mesmo com a operação Carne Fraca da Polícia Federal, que em 2017 prejudicou momentaneamente as exportações, 18% da carne consumida no mundo inteiro foi exportada pelo Brasil.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Senado Agora
10h38 Georreferenciamento rural: A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) aprovou projeto (PLC 120/2017) que simplifica o georreferenciamento de imóveis rurais. Matéria vai ao plenário.
10h08 Cooperação com a Jamaica: A Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE) aprovou acordo entre Brasil e Jamaica para o intercâmbio de informações sobre impostos. O projeto de resolução que aprova o acordo segue para análise do Plenário.
10h02 Frente Norte : A Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo (CDR) aprovou o projeto que cria a Frente Parlamentar Mista em Defesa do Consumidor de Energia Elétrica da Região Norte. O PRS 24/2019 segue para a Comissão Diretora.
Ver todas ›