Valadares reclama de corte de verbas para irrigação no Nordeste

Da Redação e Da Rádio Senado | 07/08/2018, 17h58 - ATUALIZADO EM 07/08/2018, 18h32

O senador Antonio Carlos Valadares (PSB-SE) chamou a atenção para a situação de emergência provocada pela seca em diversos municípios do estado. Ele denunciou o corte pelo governo federal dos últimos recursos destinados à construção do Canal de Xingó, que poderia não apenas aliviar a situação, mas promover a agricultura irrigada e a pecuária leiteira tanto em Sergipe quanto na Bahia. Para o senador, os tecnocratas e a base aliada não se comovem com o drama dos sertanejos.

Valadares considerou a retirada dessas verbas um verdadeiro crime, uma traição ao povo do Nordeste e ao povo de Sergipe. O senador ressaltou que desde sempre suas bandeiras foram a revitalização da bacia do rio São Francisco, sua transposição e a construção do Canal de Xingó.

— Que a seca não seja mais um impeditivo para uma região promissora, mas que isso depende da realização de obras estruturantes tipo Canal de Xingó. Irrigar o Nordeste significa abrir perspectivas para o semiárido, alavancando a produção — alertou.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)