Senadores esperam que transposição do São Francisco esteja concluída até início de 2019

Da Redação | 18/04/2018, 15h23 - ATUALIZADO EM 18/04/2018, 20h05

O presidente em exercício do Senado, Cássio Cunha Lima (PSDB-PB), se reuniu nesta quarta-feira (18) com o ministro da Integração Nacional, Pádua Andrade, e com parlamentares do Nordeste para debater as obras de transposição do Rio São Francisco. Estavam presentes os senadores Eduardo Amorim (PSDB-SE), Elmano Férrer (Pode-PI), Fátima Bezerra (PT-RN), Fernando Bezerra Coelho (PMDB-PE), João Alberto Souza (PMDB-MA), José Maranhão (PMDB-PB), José Pimentel (PT-CE) e Garibaldi Alves (PMDB-RN).

— Há uma expectativa muito grande, principalmente por parte do Ceará e do Rio Grande do Norte, de que essas obras sejam concluídas. O ministro manifestou preocupação pela substituição de uma empresa que executa a obra, mas, deixou claro, que isso não vai causar grande retardamento. Nós esperamos que até o final do ano ou logo no início de 2019 as obras estejam concluídas” — afirmou Garibaldi.

Na conversa com o ministro, os parlamentares ressaltaram a preocupação com as obras do chamado Eixo Norte da transposição que vai beneficiar moradores dos estados do Ceará, da Paraíba, de Pernambuco e do Rio Grande do Norte.

Da Assessoria de Imprensa da Presidência do Senado

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Senado Agora
21h05 CPI da Pandemia: Requerimentos aprovados pela CPI visam Consórcio Nordeste: pedem movimentações bancárias, lista de servidores, contratos e explicações sobre compras "frustradas" de 750 respiradores.
20h56 CPI da Pandemia: CPI aprova pedido para que TCU faça auditoria sobre repasses federais para estados, capitais e grandes cidades. Solicitadas também informações sobre gastos com pandemia às secretarias estaduais e municipais de saúde.
20h54 CPI da Pandemia: A CPI aprovou pedido de acesso a todas as reuniões do Planalto sobre covid-19 desde o início da pandemia. Também foram aprovados pedidos de informação a oito ministérios, MP, Justiça Federal, TCU, Anvisa e Fiocruz.
Ver todas ›