Subcomissão do Fórum Mundial da Água é instalada em sessão especial no Plenário

Da Redação | 22/02/2018, 13h13 - ATUALIZADO EM 15/03/2018, 14h02

Selo_8_forum_mundial_da_agua_claroA Subcomissão Temporária do Fórum Mundial da Água, ligada à Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE), foi instalada nesta quinta-feira (22), no Plenário do Senado. O grupo irá acompanhar os preparativos para o 8º Fórum Mundial da Água, que ocorrerá em Brasília, de 18 a 23 de março, e ajustar o discurso para os debates sobre o papel do Parlamento na busca de se garantir o direito à água.

— O objetivo é tomar providências e indicar diretrizes para participação do nosso Parlamento nesse encontro —explicou o presidente da CRE, senador Fernando Collor (PTC-AL).

O presidente da subcomissão é o senador Jorge Viana (PT-AC). Segundo ele, a ação é uma grande oportunidade de trazer o tema do Fórum para o Parlamento. Já se antecipando aos prováveis legados do evento, Jorge Viana protocolou a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 4/2018, que assegura aos cidadãos brasileiros o acesso à água como um direito fundamental, como já vem recomendando a Organização das Nações Unidas (ONU) ao mundo inteiro.

O compartilhamento das águas e a gestão conjunta das nações sobre esse bem também será tema de debate no Fórum. Para Viana, o Brasil, que ganhou numa disputa com a Dinamarca o direito de sediar o encontro, tem muito a conhecer e aprofundar para ajudar o planeta a superar o desafio da escassez da água, uma agenda que mistura passado, presente e futuro.

— Vivemos uma crise civilizatória. O problema é que não temos precedentes que possam servir de referência, lá atrás, para enfrentarmos os problemas de agora. Os impérios caíram, mas o que está ameaçado agora é a vida no Planeta, e para isso nós não temos referência — observou Viana.

O senador Cristovam Buarque (PPS-DF) é o vice-presidente. A subcomissão é composta ainda por Roberto Muniz (PP-BA); Ana Amélia (PP-RS); Fátima Bezerra (PT-RN); Acir Gurgacz (PDT-RO); Armando Monteiro (PTB-PE); Fernando Bezerra Coelho (PMDB-PE); Flexa Ribeiro (PSDB-PA); Hélio José (PROS-DF); Lasier Martins (PSD-RS); Otto Alencar (PSB-BA); Reguffe (sem partido-DF); e Davi Alcolumbre (DEM-AP).

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)