Valdir Raupp faz balanço positivo das atividades do Senado em 2017

Da Redação e Da Rádio Senado | 19/12/2017, 18h17 - ATUALIZADO EM 19/12/2017, 18h55

Em pronunciamento nesta terça-feira (19), o senador Valdir Raupp (PMDB-RO) fez um balanço dos projetos aprovados pelo Senado em 2017. Ele destacou a aprovação das propostas de emenda à Constituição que fizeram mudanças na legislação eleitoral e nas leis trabalhistas. Na área de segurança, Raupp citou a criação das polícias penitenciárias e do Fundo de Desenvolvimento da Segurança Pública.

De acordo com o senador, merecem destaque a medida provisória que renegociou a dívida de estados e municípios, o projeto de resolução que regulamentou as operações de crédito contratadas por estados e municípios e a PEC que garante prestação de contas simplificada para as prefeituras de pequenas cidades.

Valdir Raupp também considerou positiva a aprovação da reforma do ensino médio, a reformulação das carreiras de agentes comunitários de saúde e de combate às endemias e a PEC com novas regras para regularização fundiária.

— Desta forma, quero congratular-me a todos presentes pelo excelente ano de trabalho que foi 2017 para o Senado Federal. Apesar de todas as dificuldades, conseguimos avançar muito e eu espero que em 2018 consigamos avançar ainda mais — afirmou.

Produção leiteira

Valdir Raupp também destacou a realização da 1ª Feira de Leite de Rondônia, na cidade de Ji-Paraná. Segundo o senador, o estado tem a maior produção leiteira da Região Norte do país.

De acordo com Raupp, o setor contribuiu com o crescimento de 1,4% do PIB do estado em 2017, representando o melhor desempenho da Região Norte. Ele informou que, em todo o país, 1 milhão de produtores de leite são responsáveis por empregar 4 milhões de trabalhadores.

Ainda assim, o senador lamentou que o país tenha deficit em relação à produção leiteira dos países vizinhos. Por isso, pediu apoio ao projeto de sua autoria que acaba com as isenções tributárias do leite importado do Mercosul.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)