Programa do Senado que ajuda mulheres vítimas de violência é apresentado em fórum

Da Redação | 30/11/2017, 12h33 - ATUALIZADO EM 04/12/2017, 18h07

O Senado participou da 7ª edição do Fórum Mulheres em Destaque, encerrado nesta quinta-feira (30), em São Paulo. O evento é o maior encontro de líderes em busca da igualdade de gênero e conta com a cooperação da ONU Mulheres e do HeforShe. O propósito é apresentar, de forma prática, os processos que as corporações precisam adotar para implementar e consolidar seus programas voltados à equidade de gênero, além de discutir pesquisas, estudos e casos de sucesso.

A diretora-geral do Senado, Ilana Trombka, participou do painel Sororidade — Mulheres apoiam Mulheres, no qual apresentou o Programa de Assistência a Mulheres em Situação de Vulnerabilidade, que destina parte das vagas de contratos de terceirização da Casa a mulheres vítimas de violência doméstica. Ela explicou que a iniciativa é uma parceria com o governo do Distrito Federal, responsável por identificar essas mulheres.

Ao afirmar que o case do Senado já é modelo, reproduzido em órgãos como o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) e a Câmara Legislativa do DF, Ilana Trombka defendeu a importância de outras instituições públicas estarem atentas ao tema, participando e dando exemplo nas ações para a equidade de gênero.

— A nossa iniciativa já passou pela análise da Advocacia, do TCU. Ou seja, não há nada que impeça nenhum órgão, nem as organizações do setor privado regulados pela Lei 8.666, de implantar cotas assim —ressaltou Ilana.

Participação dos homens

E não há só mulheres envolvidas nas discussões. Homens são considerados agentes de transformação nesse processo de troca de experiências e de conhecimento, com vistas ao desenvolvimento de ações concretas. Paulo Meira, diretor da Secretaria de Gestão de Pessoas (Segp), também participou do evento. Ele reforçou a importância de ações afirmativas para a promoção da equidade.

— Devemos trabalhar em igualdade de oportunidades, valorizando o talento e as potencialidades de servidores e servidoras — afirmou.

Além do Senado, participaram do evento representantes da Rede Mulher Empreendedora, da Fleishman Hillary no Brasil e de outras entidades privadas. A 7ª edição do Fórum Mulheres em Destaque teve atividades dinâmicas interativas, networking e cases de diversidade na liderança e de empoderamento feminino, além de histórias inspiradoras e soluções diferenciadas na gestão de pessoas.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)