Hélio José acusa governo Temer de mentir em propaganda sobre reforma da Previdência

Da Redação e Da Rádio Senado | 29/11/2017, 20h25 - ATUALIZADO EM 30/11/2017, 12h55

A reforma da Previdência proposta pelo governo Temer foi criticada em Plenário nesta quarta-feira (29) pelo senador Hélio José (Pros-DF). Ele mencionou dados divulgados pelo Sindicato dos Servidores do Poder Legislativo Federal e do TCU, que demonstram a realidade da Previdência e da aposentadoria dos servidores e tornam injustificável a proposta de Temer.

Hélio José afirmou que, desde que o governo apresentou o projeto de reforma da Previdência, os servidores têm sido alvo de ataques do Poder Executivo e da mídia. O senador criticou os gastos do governo para fazer propaganda da reforma, que tramita na Câmara. Para ele, os milhões de reais de recursos públicos poderiam ser direcionados a propagandas educativas, mas têm sido usados para alimentar um clima de desconfiança e de ódio da população contra os servidores públicos.

— Estamos vendo aí R$ 95 milhões sendo gastos com a Previdência para mentir para a população brasileira com relação à reforma da Previdência. Nós não podemos admitir isso.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)