Ângela Portela ataca reforma da Previdência proposta pelo governo

Da Redação e Da Rádio Senado | 22/11/2017, 15h37 - ATUALIZADO EM 01/03/2018, 14h16

A senadora Ângela Portela (PDT-RR) criticou nesta quarta-feira (22) em Plenário a reforma da Previdência proposta pelo governo Temer, que tramita na Câmara dos Deputados. Ela afirmou que são falsas as informações de que há deficit no sistema previdenciário brasileiro. Trata-se de uma tentativa de inviabilizar a previdência pública, em favor da previdência privada, para atender ao mercado financeiro.

Se as contas forem feitas corretamente, de acordo com Ângela Portela, ficará comprovado que o deficit não existe agora, nem num futuro próximo. Para a senadora, o governo pretende sacrificar os cidadãos, com o aumento do tempo necessário para a aposentadoria e a redução dos seus rendimentos.

— Hoje, na verdade, o governo não coloca dinheiro na Previdência, mas retira dela. Drena recursos, tanto ao conceder isenções absurdas, quanto ao se apossar de receitas próprias do sistema — declarou.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)