Vetos à LDO mostram 'desprezo' do governo pela educação, diz Fátima Bezerra

Da Redação | 10/08/2017, 13h48 - ATUALIZADO EM 10/08/2017, 14h04

A senadora Fátima Bezerra (PT-RN) criticou os vetos do presidente Michel Temer ao projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), relacionados às metas do Plano Nacional de Educação (PNE). A senadora disse que, com isso, o presidente mostra que despreza a educação do povo brasileiro.

A senadora disse que participou de uma reunião com reitores de universidades públicas que pediram recursos para que as universidades não fechem. Segundo Fátima, o presidente do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) afirmou que o dinheiro do conselho acabou e que programas de pesquisas que envolvem, atualmente, 90 mil bolsistas e 20 mil pesquisadores estão com o funcionamento ameaçado.

— Agora vem o tiro mortal que é, na LDO, vetar todas as metas de prioridade que tratam do Plano Nacional de Educação. E o Plano Nacional de Educação não é uma agenda qualquer. É a mais importante, mais decisiva, mas emblemática, mais estruturante, mais estratégica para qualquer país que pretenda ser uma nação inclusiva, generosa, com sustentabilidade e justiça social. Infelizmente, esse gesto do governo Michel Temer escancara para o Brasil e para o mundo o desprezo que este governo tem para com a educação do nosso povo — afirmou.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)