Paulo Rocha pede aos colegas que barrem propostas contra os direitos dos índios

Da Redação e Da Rádio Senado | 10/08/2017, 17h09 - ATUALIZADO EM 10/08/2017, 17h53

O senador Paulo Rocha (PT-PA) alertou nesta quinta-feira (10) os colegas contra propostas que coloquem em risco o futuro dos índios no Brasil. Segundo ele, não se pode colocar por terra o patrimônio e a cultura dos povos indígenas.

Ele disse ser preciso criar políticas que favoreçam o desenvolvimento e a produção rural, sem prejudicar os povos tradicionais. Paulo Rocha acusou o governo Temer de levar o país ao retrocesso nas áreas de educação, saúde, inclusão social e na proteção aos povos indígenas. Segundo ele, também foram barrados os avanços na questão agrária.

— Para chamar a atenção do nosso país, dos nossos governantes, essa capacidade de processar um desenvolvimento que precisa, um crescimento econômico, mas ter a capacidade e políticas públicas, políticas de desenvolvimento com distribuição de riqueza, com distribuição de cidadania de dignidade e respeito aos nossos povos.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Senado Agora
17h13 Aécio Neves: Eunício anuncia como se dará a votação do Ofício do STF: os votos SIM mantêm as medidas cautelares do Supremo contra Aécio. Os votos NÃO derrubam a decisão. Se nenhuma das opções alcançar 41 votos, a votação será repetida.
17h06 Aécio Neves: presidente Eunício Oliveira reabre a sessão deliberativa desta terça-feira. O primeiro item da pauta é o Ofício 70/2017, do STF, que trata do afastamento do senador Aécio Neves (PSDB-MG) do mandato.
16h34 Decisão STF: Presidente Eunício Oliveira anunciou há pouco que a votação sobre a decisão do STF de afastar o senador Aécio Neves (PSDB-MG) do mandato será aberta.
Ver todas ›