Eunício destaca os 40 anos da Igreja Universal em sessão solene do Congresso Nacional

Da Redação | 27/06/2017, 13h00 - ATUALIZADO EM 28/06/2017, 13h38

O presidente do Congresso Nacional, Eunício Oliveira, presidiu na manhã desta terça-feira (27), sessão solene do Congresso Nacional em homenagem aos 40 anos de fundação da Igreja Universal do Reino de Deus. O evento reuniu mais de mil pessoas no Plenário da Câmara dos Deputados e foi solicitado pelo senador Eduardo Lopes (PRB-RJ) e pelo deputado federal Márcio Marinho (PRB-BA).

O presidente do Congresso Nacional destacou o papel da Igreja Universal de evangelização e o trabalho desenvolvido na área social, desde o atendimento a crianças sem lar ao tratamento de dependentes químicos.

— A determinação, o trabalho e a fé dos devotos transformaram esta Igreja em uma das mais significativas instituições religiosas de nosso Brasil —, afirmou Eunício Oliveira.

Participaram do ato, além dos requerentes da homenagem, o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, e os representantes da Igreja Universal do Reino de Deus Bispo Domingos Siqueira, Bispo Wagner Negrão e Bispo Maurício Campos.

História

A Igreja Universal foi fundada por Edir Macedo, em julho de 1977, no Rio de Janeiro. Nos 40 anos de existência, a instituição está presente em todo o país e também nas Américas, na Ásia, na Europa e na África. De acordo com estimativas da própria Igreja Universal, são cerca de 8 milhões de seguidores e 15 mil pastores em 105 países.

Segundo dados do censo de 2010, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), os evangélicos representam 22,2% da população, entre fiéis de igrejas tradicionais, de missão, pentecostais, neopentecostais e não determinadas.

Da Assessoria de Imprensa da Presidência do Senado

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)