Sessão temática vai debater epidemia de zika

Da Redação | 17/02/2016, 22h02 - ATUALIZADO EM 17/02/2016, 22h23

O Senado vai realizar uma sessão temática para debater a epidemia do vírus Zika no próximo dia 25 de fevereiro. O requerimento para a sessão especial, de autoria do senador Lasier Martins (PDT-RS), foi aprovado em Plenário na noite desta quarta-feira (17). Lasier argumentou que a sessão vai permitir avaliar “as reais dimensões da epidemia do vírus Zika no Brasil, bem como averiguar os meios para conter a propagação do mosquito Aedes aegypti em território nacional”.

Em seu requerimento, Lasier argumenta que a Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que o Zika pode afetar entre 3 e 4 milhões de habitantes nas Américas, onde já se encontra presente em vários países. A entidade já considera a situação como de emergência internacional. O senador acrescenta que, a despeito de o vírus ser identificado desde a década de 1940, apenas agora se espalhou mundo afora.

Lasier diz ainda que o Brasil se tornou o epicentro da epidemia em razão da existência endêmica, no país, do mosquito Aedes aegypti – já conhecido transmissor da dengue, em suas diversas variações, bem como de outras doenças, caso da febre amarela, da chicungunha e da própria zika. Apenas no ano passado, 1,6 milhão de brasileiros foram vítimas da dengue.

O senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB) sugeriu convidar para a sessão a médica Adriana Melo, pioneira brasileira em fazer a relação entre o vírus Zika e a microcefalia. O senador Eduardo Amorim (PSC-SE) manifestou apoio à sugestão do colega e classificou Adriana como médica “corajosa” e “competente”. Já a senadora Fátima Bezerra (PT-RN) sugeriu um convite ao professor Ricardo Valentim, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), que desenvolveu um aplicativo que pode auxiliar no combate à dengue. Por sua vez, o senador Walter Pinheiro (PT-BA) pediu a presença de um representante da Fiocruz.

Aposentados

O Plenário do Senado também aprovou a realização de uma sessão especial, na próxima segunda-feira (22), para celebrar o Dia Nacional do Aposentado – comemorado em 24 de janeiro. O requerimento é de autoria do senador Paulo Paim (PT-RS).

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)