Gurgacz quer solução para reduzir tarifas do transporte público

Da Redação | 20/06/2013, 16h30 - ATUALIZADO EM 02/03/2015, 15h29

Em pronunciamento nesta quinta-feira (20), o senador Acir Gurgacz (PDT-RO) declarou apoio a projeto de lei que isenta o trabalhador de qualquer participação no custo do vale-transporte. Atualmente, a parte que cabe ao trabalhador é de 6%. A apresentação do projeto havia sido comunicada um pouco antes ao Plenário pelo senador Fernando Collor (PTB-AL).

Para Acir Gurgacz, outro problema que atinge o custo das tarifas de transporte público são as gratuidades, que acabam sendo pagas pelo trabalhador, diluídas no custo das passagens. O ideal, segundo o senador, seria que a gratuidade fosse paga pelos entes federados.

- Nós estamos estudando, juntamente com a consultoria do Senado, a criação do vale-transporte público. A partir da semana que vem, nós vamos detalhar este projeto aqui, nesta tribuna – anunciou o senador, que calcula uma redução de pelo menos 20% no custo das passagens.

Ainda no pronunciamento, o senador fez um apelo ao governo para que confirme a realização da prova para a revalidação de diplomas de estudantes formados no exterior. Segundo Gurgacz, mais de 500 médicos rondonienses formados na Bolívia aguardam a revalidação do diploma, enquanto o estado de Rondônia sofre com a falta de médicos.

Acir Gurgacz ressaltou que a saúde é uma das principais bandeiras de seu mandato. Como exemplo de sua atuação na área citou emendas que garantiram recursos para a construção do Hospital Regional de Ariquemes e do Centro de Reabilitação de Porto Velho, além da aquisição de equipamentos para outras unidades de saúde.

- Como nos diz o clamor das ruas, mais do que estádios, precisamos de hospitais, de escolas e de profissionais qualificados para atuarem nesses setores vitais para a saúde do nosso povo e a formação de nossa Nação.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

MAIS NOTÍCIAS SOBRE: