Sancionada lei que estende regime especial de licitação à área da saúde

Da Redação | 20/12/2012, 20h35

A presidente Dilma Rousseff sancionou nesta quarta-feira (19) a Lei 12.745/2012, que prevê a possibilidade de exigência de produtos e serviços nacionais nos contratos do Plano de Aceleração do Crescimento (PAC), além de autorizar o uso do Regime Diferenciado de Contratações (RDC) para despesas do Sistema Único de Saúde (SUS).

A ampliação do uso do RDC, criado inicialmente para as obras da Copa de 2014 e das Olimpíadas de 2016 e já estendido ao setor da educação, foi duramente criticada durante a votação da matéria no Senado. A previsão foi incluída na tramitação da Medida Provisória 580/2012, convertida na nova lei, na Câmara dos Deputados.

O texto original, além das regras para as obras do PAC, tratava da prorrogação de contratos com trabalhadores temporários firmados pelo Centro Nacional de Tecnologia Eletrônica Avançada (Ceitec) e da possibilidade de contratação da Ceitec pela administração pública com dispensa de licitação.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

MAIS NOTÍCIAS SOBRE:

Senado Agora
09h39 US$ 126,8 mi para a Paraíba: A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) aprovou contratação de empréstimo de US$ 126,8 milhões do Banco Mundial para projeto de saneamento na Paraíba. A MSF 63/2020 vai ao Plenário em regime de urgência.
09h32 Empréstimo de US$ 45 mi para a Paraíba: Comissão de Assuntos Econômicos aprovou empréstimo de US$ 45 milhões do Banco Interamericano de Desenvolvimento para financiar parte de projeto na rede de saúde da Paraíba. A MSF 62/2020 segue para Plenário em regime de urgência.
Ver todas ›