Paulo Davim parabeniza finalistas do Concurso de Redação do Senado

Da Redação | 17/10/2012, 15h50

Em pronunciamento nesta quarta-feira (17), o senador Paulo Davim parabenizou os finalistas da quinta edição do Concurso de Redação do Senado, promovido anualmente pela Secretária Geral da Mesa em parceria com a Secretaria de Relações Públicas da Casa. Os 27 finalistas – um representante por estado além do Distrito Federal – serão premiados com notebook, medalha e certificado no dia 19 de novembro, em cerimônia a ser realizada no Palácio do Congresso.

Além disso, os estudantes participarão do Projeto Jovem Senador, uma simulação de como é o processo de criação de leis no país. A legislatura terá duração de três dias, iniciando-se com a posse dos jovens senadores e a eleição da Mesa. Durante a experiência, eles poderão apresentar projetos de lei que serão examinados posteriormente pelos senadores.

Layane Rayelly Silva Marinho, de Alagoas, foi escolhida vencedora da edição pela comissão julgadora do concurso, que teve como tema “Meu município, meu Brasil”. O segundo e terceiro lugar ficaram, respectivamente, com Bruna Clemente Gontijo, de Minas Gerais, e Rodrigo de Brito Sá, do Piauí.

As escolas dos três primeiros colocados na etapa nacional ainda serão premiadas com computadores para uso coletivo.

- O mais importante disso tudo é que essa iniciativa capilariza a presença do Senado Federal em todo o Brasil. Todos eles [os estudantes] se aprofundaram nas problemáticas que envolvem seu município e que envolvem a sociedade brasileira – disse o senador que parabenizou a secretária-geral da Mesa, Claudia Lyra, e os servidores do Senado envolvidos na organização do concurso.

Confira a lista completa dos vencedores da quinta edição do concurso:

http://www12.senado.gov.br/jovemsenador/noticia/listacompleta

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

MAIS NOTÍCIAS SOBRE:

Senado Agora
10h23 CPI da Pandemia: Na abertura da reunião, Randolfe Rodrigues (Rede-AP) sugeriu que seja solicitado ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, que servidores e senadores integrantes da comissão sejam submetidos a testes semanais para coronavírus.
10h22 CPI da Pandemia: Tasso Jereissati (PSDB-CE) apresentou requerimento para convidar dirigente da Abin a explicar declaração de Jair Bolsonaro sobre a China. O presidente da República afirmou que o coronavírus pode ser parte de guerra química.
10h11 CPI da Pandemia: Começa o terceiro dia de depoimentos para ouvir o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. Ele está à frente da pasta desde 23 de março.
Ver todas ›