Senadores querem votar nesta quarta MP que permite redução salarial

10/06/2020, 08h38

O Plenário do Senado deverá votar nesta quarta-feira (10) a medida provisória que permite a suspensão dos contratos do trabalho e a redução de jornada e salários devido à pandemia do novo coronavírus. O senador Vanderlan Cardoso (PSD-GO) argumentou que muitos empregadores não podem mais usar essa flexibilização, que valia por 60 dias. Já o senador Paulo Rocha (PT-PA) pediu a retirada de artigos que prejudicam os trabalhadores, como a mudança definitiva da jornada de trabalho de diversas categorias, a exemplo dos bancários. A MP, já aprovada pela Câmara dos Deputados, prorroga esses prazos até o final do ano e autoriza qualquer mudança por decreto presidencial. As informações são da repórter Hérica Christian, da Rádio Senado. 



Opções: Download


Senado Agora
12h00 Votação de vetos: Foi encerrada a sessão do Congresso para análise de vetos pelos deputados. Colégio de líderes se reúne em seguida para fazer acordo de procedimentos para votação. Nova sessão, com a mesma pauta, foi convocada para as 14h.
10h54 Sessão do Congresso: Começou a sessão remota do Congresso Nacional em que deputados analisam vetos presidenciais e dois projetos de lei. À tarde, será a vez de os senadores votarem a mesma pauta.
Ver todas ›