Representante do Tesouro Nacional defende fim do Fundo Soberano

11/07/2018, 20h32 - ATUALIZADO EM 11/07/2018, 21h54

O subsecretário de Política Fiscal do Tesouro Nacional, Pedro Jucá Maciel, participou de audiência pública nesta quarta-feira (11) na comissão mista que analisa a MP 830/2018, que extingue o Fundo Soberano. O representante do Tesouro defendeu a aprovação da MP. O fundo foi criado em 2008 como uma espécie de poupança a ser usada em investimentos e como salvaguarda nos casos de crises internacionais. De um superávit fiscal de R$ 118 bi, registrado em 2008, o governo espera fechar este ano com um déficit de R$ 159 bilhões. Esse cenário negativo fez a equipe econômica optar pelo fim do Fundo Soberano. A comissão mista que analisa a medida provisória volta a se reunir no dia 8 de agosto para a apresentação do relatório do deputado Mendonça Filho (DEM-SE).

Mais informações com Maurício de Santi, da Rádio Senado.



Opções: Download