Filantrópicas denunciam atraso nos repasses do Ministério da Saúde

26/06/2018, 15h50 - ATUALIZADO EM 26/06/2018, 17h32

Durante audiência pública na Comissão de Assunto Sociais (CAS) nesta terça-feira (26), o senador Dalírio Beber (PSDB-SC) defendeu o aprimoramento da parceria entre o SUS e os hospitais filantrópicos no atendimento à população. Representantes das filantrópicas relataram a crise financeira das entidades, situação provocada, entre outros motivos, por contratos que não cobrem o custo dos atendimentos, pelo endividamento junto aos bancos e pela demora nos repasses do poder público municipal e estadual. O diretor da Confederação das Santas Casas de Misericórdia, Hospitais e Entidades Filantrópicas, José Luíz Spigolon, denunciou a retenção de recursos por parte das Secretarias de Saúde, inclusive de emendas parlamentares. A reportagem é da Rádio Senado.



Opções: Download