Mudança da embaixada dos Estados Unidos em Israel pode acirrar conflitos, apontam senadores

11/12/2017, 08h51

Senadores repercutiram o anúncio do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de mudar a sede da Embaixada Norte-americana em Israel de Tel Aviv para Jerusalém. Para o presidente da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional do Senado (CRE), senador Fernando Collor (PTC–AL), trata-se de uma medida que pode gerar conflitos na região. Segundo o coordenador do Grupo Parlamentar Brasil-Marrocos, senador Cristovam Buarque (PPS–DF), o presidente dos Estados Unidos busca, com essa decisão, se fortalecer entre seus apoiadores mais radicais. Ouça os detalhes no áudio do repórter da Rádio Senado, Carlos Penna Brescianini.



Opções: Download