CDR debate Fundeb, aposentadoria dos professores e terceirização em Aracaju

01/12/2017, 07h54 - ATUALIZADO EM 01/12/2017, 09h10

A terceirização na educação pública e a aposentadoria do magistério foram alguns dos temas discutidos na audiência pública promovida na quinta-feira (30) pela Comissão de Desenvolvimento Regional (CDR) em Aracaju (SE). A reunião faz parte do ciclo de debates sobre a continuidade do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Pela legislação atual, o fundo tem prazo de vigência até 2020. Os participantes da audiência destacaram a importância dos recursos do Fundeb para manter escolas e preparar os profissionais, principalmente nos municípios mais pobres. A presidente da CDR, senadora Fátima Bezerra (PT-RN), lembrou que o projeto da reforma da Previdência também prejudica os professores: “Não podemos aceitar isso de maneira nenhuma, até porque a aposentadoria especial do professor não é privilégio, mas um direito, de proteção social”. Mais informações com a repórter da Rádio Senado Ana Beatriz Santos.



Opções: Download