Senado aprova reformulação de carreira de agentes comunitários de saúde

14/09/2017, 12h08 - ATUALIZADO EM 15/09/2017, 17h24

Por unanimidade, senadores aprovam projeto (PLC 56/2017) que trata da atuação dos Agentes Comunitários de Saúde e de combate a endemias. Entre as novidades estão o ressarcimento com o pagamento de despesas com transporte e a exigência do ensino médio com o prazo de três anos para quem não tem o diploma. Segundo o senador José Serra (PSDB–SP), a atuação dos agentes comunitários reduz os gastos com a saúde pública.

Ouça os detalhes no áudio da repórter da Rádio Senado, Hérica Christian.



Opções: Download