Senadores repercutem manifestações contra Temer e as reformas do governo

24/05/2017, 20h01 - ATUALIZADO EM 24/05/2017, 22h06

As manifestações ocorridas, nesta quarta-feira (24), na Esplanada dos Ministérios, pedindo a saída do presidente Temer, contra as reformas trabalhista e previdenciária e pela convocação de eleições diretas para a Presidência da República, dominaram os debates no Plenário do Senado. Enquanto alguns criticaram a falta de preparo da polícia, outros ressaltaram o caráter violento de parte dos manifestantes. A reportagem é de Marcella Cunha, da Rádio Senado.



Opções: Download