Ricardo Ferraço deverá relatar reforma trabalhista na CAE

03/05/2017, 09h56 - ATUALIZADO EM 09/05/2017, 15h20

O senador Ricardo Ferraço (PSDB–ES) deverá ser o relator da reforma trabalhista (PLC 38/2017) na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE). Ferraço afirmou que ainda vai analisar as mudanças feitas na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) pelos deputados e ouvir posições contrárias e a favor do tema. A presidente da Comissão de Assuntos Sociais (CAS), senadora Marta Suplicy (PMDB–SP), ainda indicará a relatoria do projeto no colegiado. Duas audiências públicas para discutir as alterações na legislação trabalhista já foram agendadas. Conheça os principais pontos da reforma trabalhista aprovada pela Câmara e recebida pelo Senado. Ouça a reportagem de Hérica Christian, da Rádio Senado.



Opções: Download


Senado Agora
19h34 Ministro do STF: O Senado aprovou por 57 votos a 10 a indicação de Kassio Marques para ministro do Supremo Tribunal Federal (STF). Ele assume a vaga a ser aberta pela aposentadoria do ministro Celso de Mello (MSF 59/2020).
19h02 CVM: O Senado aprovou por 50 votos a 11 a indicação de Alexandre Costa Rangel (MSF 55/2020) para a diretoria da Comissão de Valores Mobiliários (CVM).
18h14 Indicação ao Supremo: Por 22 votos a 5, Kassio Nunes Marques foi aprovado para o cargo de ministro do STF pela Comissão de Constituição e Justiça. A MSF 59/2020 segue para o Plenário e deve ser votada ainda hoje.
Ver todas ›