Pedido de impeachment poderá ser julgado até o final de agosto

22/06/2016, 19h17 - ATUALIZADO EM 13/09/2016, 22h37

A Comissão Especial do Impeachment aprovou nesta quarta-feira (22) um novo calendário de trabalho. De acordo com as datas divulgadas, o Plenário do Senado poderá julgar o pedido de impeachment contra a presidente afastada Dilma Rousseff até o dia 26 de agosto. Em relação ao cronograma inicial, o julgamento ocorrerá uma semana depois. O presidente da comissão, senador Raimundo Lira (PMDB-PB), lembrou que o calendário nunca foi fixo. O novo cronograma prevê o depoimento de Dilma na comissão em 6 de julho, e a votação do relatório pelo colegiado em 4 de agosto. Detalhes na reportagem de Hérica Christian, da Rádio Senado.



Opções: Download