Conselho de Ética define até quarta se acata representação do PDT contra Romero Jucá

02/06/2016, 18h35 - ATUALIZADO EM 14/09/2016, 10h57

O presidente do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar, senador João Alberto Souza (PMDB-MA), já tomou conhecimento da representação protocolada pelo PDT contra o senador Romero Jucá (PMDB-RR). Agora, aguarda  parecer da Advocacia Geral do Senado. João Alberto tem até o dia 8 de junho para decidir se acata ou não a representação que pede a abertura de processo contra Jucá por quebra de decoro parlamentar. O pedido é decorrente da divulgação de gravação de conversa do senador com o ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, em que se discute a Operação Lava Jato, da Polícia Federal. O PDT argumenta que Jucá tratava de tentar obstruir as investigações.

Mais detalhes com a repórter da Rádio Senado Paula Groba.



Opções: Download