Senado aprova a regulamentação das empresas juniores

10/03/2016, 18h49 - ATUALIZADO EM 10/03/2016, 18h51

O Senado aprovou nesta quinta-feira (10) a regulamentação das empresas juniores. O Brasil é o primeiro país a ter este tipo de legislação. As empresas juniores são compostas unicamente por estudantes universitários e proporcionam um conhecimento prático da área que eles estudam. No Brasil, são mais de 300 empresas e mais 10 mil estudantes que trabalham sem fins lucrativos. Na maioria dos casos, o dinheiro arrecadado é investido na estrutura da empresa e na capacitação dos alunos envolvidos. Porém, por não haver regulação alguma, eles precisavam se organizar sem apoio institucional, e muitas vezes, sequer tinham garantido espaço físico nas universidades. O autor da proposta é o senador José Agripino (Democratas-RN) e o projeto vai agora à sanção presidencial. A repórter Marcella Cunha, da Rádio Senado, preparou uma reportagem sobre a matéria.



Opções: Download


MAIS NOTÍCIAS SOBRE: