Segue para Câmara projeto de quarentena maior para ex-diretores de agências reguladoras

26/11/2014, 19h13

Ex-dirigentes de agências reguladoras deverão esperar seis meses até que possam voltar a exercer atividades ou prestar qualquer serviço no setor regulado pela agência em que trabalhava. Hoje esse período é de quatro meses. A proposta foi aprovada nesta quarta (26) pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ). O Projeto de Lei do Senado (PLS) 272/2012 é do senador Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR), mas previa que esse tempo seria de um ano. Por meio de uma emenda do senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP), acatada pelo relator, Randolfe Rodrigues (PSOL-AP), o tempo de quarentena ficou em 180 dias. A matéria já pode seguir para a Câmara dos Deputados. Ouça os detalhes na matéria de Nara Ferreira, da Rádio Senado.


Opções: Download


MAIS NOTÍCIAS SOBRE: